Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ó da guarda, peixe frito!

Vai com arrozinho de tomate?

Ultimamente ando mesmo sádica...! úúúúúú...!!

29.01.10, Peixe Frito

    

   Para mim, uma das melhores invenções humanas foi o aparelho de luz negra, para atrair os insectos alados. E porquê? Bem... Porque por vezes por muito boa pontaria que tenha, não acerto no raio do bicho, porque quando preciso do mata-moscas, normalmente não encontro e lá tenho de arranjar um substituto (uma almofada, por exemplo), e também porque a minha gana é tão grande que as espalmo contra as paredes e depois para as tirar... fica lá sempre a marca tal e qual os desenhos a giz dos mortos na estrada!  E quando isso acontece, quando se limparam os vidros há bem pouco tempo e pimbas... fica lá logo o cadáver moscal no nosso ex-imaculado vidro...! Mas a verdadeira razão de eu achar o aparelho de luz negra uma das melhores invenções humanas, é porque é um aparelho de entretenimento e de utilidade. Sim sim, entretenimento, leram bem. Eu adoro ouvir as moscas a electrocutarem-se nas luzes negras...!! Então quando é um bicharoco grande e aquilo até faz fumo, mas tanto fumo, que parece que alguém está a fazer sinais-de-fumo na base do aparelho...! - e o cheirinho a queimado? eheh

   Que vocês querem?... São uns bichos que me irritam especialmente...! Por exemplo, as melgas. Uma pessoa querer dormir e elas andarem a melgar a malta. À pala delas, muitas vezes chego ao trabalho com uma cara de panda, o que por si só me faz ter de usar as bases para disfarçar as crateras debaixo dos olhos! Saem caro, as melgas. Sim, porque não há nenhum subsídio do estado para as pessoas comprarem bases, para serem usadas depois de uma noite mal dormida por culpa da fauna local!! Está mal...! Além das meninas terem a mania de morder a malta à descarada. Vejam bem, que anteontem encontrei uma baba no meu pescocinho de sereia. Olha que coisa bonita. Sorte a da melga de eu não lhe ter posto as barbatanas em cima, senão ia ver com quantos pauzinhos se faz uma canoa, e ia aprender igualmente o verdadeiro significado da expressão: "Vai-te encher de moscas"...! Por falar nelas, e as moscas? Uma pessoa a comer ao ar livre, e ter de andar constantemente a enxotá-las de todo o lado... em casa, quando entram as varejeiras, que mais parecem um boing 747 a embater nas janelas, já nem mencionando o zumbir, que ela é capaz de vir a caminho da sala, ainda no corredor, e já se ouve...! - E não é por eu ter uma audição fantástica. Até um velhote com o aparelho da audição desligado, consegue ouvir.

    Raios partam mais estas bichezas chatas...! Tenho de angariar um sapo... ou então comprar mais plantas carnívoras, essas sim, nunca lhes falta o que comer, fartam-se de encher o bandulho.

1 posta

largar posta:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.