Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ó da guarda, peixe frito!

Vai com arrozinho de tomate?

30.10.09

Coisas que eu detesto!!

frito e escorrido por Peixe Frito

    Ir a subir umas escadas, com uma pessoa à minha frente e esta estar a um nível de mim, em que o rabo fica praticamente na minha cara.

    Passo o tempo a pensar: «Se este(a) para de repente... Nem quero pensar!!».

    Vou começar a andar de elevador.

30.10.09

Ai que medo...!

frito e escorrido por Peixe Frito

    Este ano não preciso de máscara para o Halloween, com o aspecto medonho que tenho tido esta semana (já ia partindo o espelho umas quantas vezes), com o cabelo desengrenhado, cor pálida com falta de sol e de ar puro, e com umas olheiras tão grandes que me chegam literalmente ao joelho (ehhh que exagero! Vendo bem... acho que chegam às canelas!!)... Se me começarem a crescer os caninos, começo a temer que me esteja a transmutar numa vampeixa ou numa lobipeixa.

    Tenho de ver as coisas pelo lado positivo: Ao menos tenho um disfarce fantástico para o Halloween.

29.10.09

Histórias horripilantes de Halloween (2)

frito e escorrido por Peixe Frito

     Esta não é bem de Halloween, mas pronto..

 

    Conta a minha vózinha Peixa-Mor, que lá na santa terrinha dela, lá para trás do sol posto, onde Judas perdeu as botas para ser mais precisa, havia um cemitério. Por coincidência, ao lado do cemitério, haviam terrenos de cultivo de legumes, tais como tomates, favas, batatas, etc. Pois bem, hoje já não se usa muito este tipo de gesto, mas naquela altura (no tempo da Maria Cachucha d.c.), era muito usual as pessoas terem os seus terrenos cultivados, e na altura de colher os vegetais, falavam lá pela terra se alguém os ajudava, e o pagamento de tal ajudinha, era uma determinada quantia de legumes. Muita gente ajudava, mas porém, ninguém queria as batatas. A vózinha Peixa diz que não se ralava, que não se fazia de rogada, pois comer é comer, e umas batatinhas calhavam sempre bem à mesa, de onde quer que fossem as suas origens.

     Então querem saber porque ninguém queria as batatas? Eu conto... É que os pés das batatas encontravam-se rente ao muro do cemitério, e as ditas raízes alimentavam-se de vários nutrientes da terra, inclusivamente... da decomposição dos mortos (dizem e até tem alguma lógica, né?). Assim sendo, as pessoas ajudavam a apanhar a batata, mas ninguém a queria. Conta a vó que as batatinhas eram lindas e grandonas, assim mesmo com bom aspecto (pudera...! 100% orgânico!!! Se fosse actualmente, acho que as batatas não se safavam, porque acho que os botox e silicones e companhia limitada, não devem ser muito comestíveis, nem devem de adubar nada).

     Ora digam-me. Vocês também não comeriam destas batatas, apenas porque nasceram encostadas ao muro do cemitério, com uma grande probabilidade das plantinhas se alimentarem da decomposição criada pelos corpos dos mortos lá enterrados?

28.10.09

Uma adivinha para a malta

frito e escorrido por Peixe Frito

   Quando não se têm guardanapos-de-papel, ou os corriqueiros rolos-de-cozinha, que se usa em sua substituição?

    Ah não resisto, é mais forte que eu... Façam como eu própria: Sim meus caros, usem o papel higiénico...! ahahah Ainda ia sugerir a borda da toalha, mas então, eu costumo usar individuais! E também acho que a minha mãe não ia gostar de descobrir, que eu limpava as beiçolas à toalhinha aos patinhos que ela me ofereceu, com tanto amor e carinho.

    É o que vos digo, uns morrem, outros ficam assim!

28.10.09

Histórias horripilantes de Halloween... búúúúúú

frito e escorrido por Peixe Frito

   Era uma vez uma personagem, que na altura do Halloween, apreciava cortar abóboras e decorá-las a preceito para festejar o evento. Depois dessa trabalheira toda, de cortar, de retirar o miolo, mandar os carneiros bugiar (os das abóboras), fazer as caretas assustadoras, com os bofes de fora e até com abóboras em cima da cabeça tal era a quantidade (temos de dar utilidade à dita, não é), lá ia ela colocá-la(s) na rua, à porta de casa a decorar. Assim para uma recepção mais creepy sabem, a entrar no espírito do Halloween.

    Pois bem, todos os anos que colocou as abóboras na varanda, estas eram roubadas. Escusado será dizer, que ano após ano disto acontecer, lá se deixou de coisas... Já viram a despesa e a trabalheira que era, todos os anos a malta a roubar as abóboras? Grande lata...! Se as queriam roubar, que as roubassem inteiras e que as decorassem eles...! Esta malta! ehehe Nem as abóboras escapam.

    É ou não é uma história horripilante? Até tenho pele de galinha e as escamas em pé...

28.10.09

Querem ver-se livres do anúncio, da rádio, do Pingo Doce?

frito e escorrido por Peixe Frito

    Pois é meus amigos, aqui a Peixa teve uma epifânia.

   Querem ver-se livres? Querem, querem? Fácil... - Não, não vou dizer que é partir o rádio, nem esganar o tipo que põe no anúncio no ar, nem espancar o(s) criativo(s) daquele spot, nem fazer uma espera à pessoa que efectivamente montou esta campanha, torturando-a com a música vezes sem fim e a dizer: «Gostas, gostas?? Ora toma lá mais disto!!!» e passávamos o anúncio na televisão, até ele suplicar para pararmos, embora sejam sugestões mui tentadoras - Mudem de rádio! (uau Peixa... esmeraste-te, tú dominas, estás em grande!) Ora, sigam o meu raciocínio: se começarem a  ouvir rádios da carochinha, que até não passam músicas assim tão más (cof cof) - pronto... podem gramar com uma Ágata de vez em quando, ou com uma Ruth Marlene... mas preferem o anúncio do Pingo Doce???. E porque não passam? Pois os tipos do Pingo Doce podem ter muita guita, mas não têm a suficiente para abrangerem tooooodas as rádios tugas! Pelo que só investem nas grandes rádios (que não vou mencionar, que a mim não me pagam cá publicidades gratuitas), e nada disso nas rádios das terrinhas. É só começar a fazer um-dó-li-tá no rádio, e pronto, estão livres do Pingo Doce (a não ser que por azar, o vosso rádio tenha sido "comprado" pelos magnatas das rádios, o vendido, e só se sintoniza pelas rádios mais poderosas).

    Sabem, hoje ainda não ouvi uma única vez o anúncio... Sortuda a bichana! :D

    Ah! Podem enviar os cheques pelo correio, que não há problema! ahahah ;)

27.10.09

Doçura... ou Travessura? Muahahahahah

frito e escorrido por Peixe Frito

   Pois é amigos, já era para ter chegado mais cedo, mas só hoje é que pude dispor de uns minutos para dar um ar da sua graça, aqui ao blog.

   Oficialmente...

Chegou

o Halloween

à fritadeira!!!

 

 

 

búúúúúúúú...!!!  

 

 

27.10.09

Olhó gajo, que é fresco..!

frito e escorrido por Peixe Frito

   Ando aqui numa pesquisa de coisas para o Halloween, e não é que dei de caras com este anúncio (não sei se é martelado, mas deve ser):

 

 

 

   O que é que o vampiro vai andar a morder? Taradão o tipo! eheheh

26.10.09

Sou só eu...

frito e escorrido por Peixe Frito

   ... que passo a vida a olhar para as horas, e a pensar: «Exactamente há três dias atrás, era uma hora mais tarde... São 16:00... (suspiro) Há três dias era... 17:00, não é?????» - ataque de raiva interior, assim a roçar a erupção de um vulcão hawaiano.

    Raios partam a quem continua a ter a brilhante ideia de mudar a hora. O que vale, é que eu não tenho medo do escuro, porque se tivesse, ia ser bonito, começar a sair de noite.

26.10.09

Ai vida sofrida...!

frito e escorrido por Peixe Frito

   Por causa da mudança do horário, estou a sofrer de jet lag. E olhem que nem sequer foi preciso ir de viagem!! - gente fina é outra coisa.

23.10.09

Isto de trazer decotes...

frito e escorrido por Peixe Frito

   ...têm o seu lado positivo. Sabem qual é? - não, não é os moçoilos ficarem rigozijados de verem um bocadinho mais das meloas - É o facto, de quando se está a comer, há sempre algum bocado de comida que cai no decote, e que sempre pode ser aproveitado mais tarde, por exemplo, numa merendazita... ou até mesmo assim num snack a meio da tarde. Escusamos de andar a transportar as sandochas atrás, que em qualquer lado, a qualquer momento, temos ali uma buchazinha mesmo à mão-de-semear.

    É ou não é verdade? Só boas ideias pá...!

22.10.09

És o meu pecado... a minha tentação...!

frito e escorrido por Peixe Frito

    Confesso... Estou altamente viciada nestas Pringles. Não lhes consigo resistir, o seu sex -appeal é mais forte, o seu ar garboso, o formato da batata, da embalagem, o material da mesma, o som que fazem ao serem agitadas na embalagem, a sua textura, o cheiro, o som quando as mastigo...! (suspiro) São perfeitas. Internem-me na instituição dos viciados em pringles de cebola anónimos, não estou nem aí... Eu estou é...

...apaixonada!!!

   

    O amor é mesmo cego, não é? Acham mesmo que me importo com o bafo a cebola? Importo-me mesmo é quando alguém me pede uma (estas coisas não se partilham), ou quando abro uma embalagem delas e quando ponho a mão lá dentro, dou conta que as minhas pringles estão... extintas!!! Qualquer dia, a minha cara fica com formato de batata Pringle, tal é o amor. Sabem, estou a ponderar em tatuar o logótipo num sítio ultra sexy do corpo... é a loucura!! Assim estão sempre comigo...! ahahaha

21.10.09

Assim não têm piada!

frito e escorrido por Peixe Frito

   Pois é, saiu (ou está para sair qualquer coisa do género, mas isso também não interessa nada) um novo decreto de lei, onde visa os direitos, a proibição da exploração e afins, dos animais. Não poderia estar mais de acordo, apesar de em alguns casos, os animais até poderiam não estar a ser vítimas de exploração e maus tratos, e sim a serem bem estimados e acarinhados, mas enfim, não é o meu intuito neste post apontar o dedo a ninguém, nem criticar, nem exorcizar postas de pescada, mas apenas fazer uma pequenina observação, que mudou totalmente a minha vida (como diz o outro, "deu uma volta de 360º"):

   E agora pá? E agora? Quando alguém espirrar, já não posso dizer "Não há circo, que o urso está constipado"?! Acham isto certo? Acham? Pois bem, esta piada agora caiu na extinção (com muita pena minha). Que crueldade...! Acho que vou criar um movimento, a exigir uma lei que proteja estes dizeres, estes ditos, estas frases, estas palavras de tão grande teor, de tanto valor para a nossa cultura. Já viram o que é, daqui a uns largos anos (eu já velha, caquética - mais ainda - com as escamas enrugadas e encarquilhadas) alguém espirrar e eu dizer: "Já não há circo!!" (silêncio na sala)  toda a gente a pensar «está senil coitada», mas mesmo assim perguntarem porquê, ao qual eu respondia que era por causa do ursinho estar constipado e etc, e de repente quando desse por mim, estava internada no Júlio de Matos, porque segundo os médicos que me analisavam: "Nunca houve, nem há ursinhos no circo. Dona Peixa, você está cada vez mais varrida da cabeça, e isso pega-se. Definitivamente, têm de deixar de comer ursinhos-goma". Ah pois é. Olhem que isto é um risco real!!! Temos de agir enquanto é tempo!!!

    Uma coisa é certa, todos sabemos que esta questão da exploração animal vai continuar. Sim vai meus amigos... Continuam a haver ursos, burros, borregos e uma outra infinidade de animais a trabalhar. Olhem com atenção. Podem ter um mesmo ao vosso lado! eheheheh

20.10.09

Sinto-me deveras romântica hoje...!

frito e escorrido por Peixe Frito

    Há pessoas que afirmam, que andar à chuva é romântico e mais não-sei-o-quê. Sabem que mais? De romântico não têm nada! Qual é a piada de apanhar uma molha dos diabos, porque está a chover a cântaros, chegar ao trabalho com o cabelo num ninho-de-ratos ensopado (depois de ter estado a secá-lo, após o banho, com todo o amor e carinho), as calças encharcadérrimas (esta foi à tiá), com o telemóvel a nadar dentro da mala, assim tal e qual um pinto?

    É cá de um romantismo pegado...!

19.10.09

Adoro ossinhos de vaca moidinhos!!!

frito e escorrido por Peixe Frito

    Sempre me disseram desde miúda, que a gelatina era feita de ossos de vaca moídos. Confesso que nunca foi nada que me fizesse grande confusão, até porque achava que me estavam a endrominar! Eu pensava como era estranho, algo como ossos ser convertido em gelatina, e não em algo mais nojento. Como por exemplo... deixa cá ver... manteiga! Sim, se forem bem a  ver, a manteiga até é assim um bocado nojenta, assemelha-se a ranhocas amanteigadas e afins (boa ilustração, não foi?), pelo que a gelatina, em termos visuais e de consistência, até não é assim tão má e é bem mais apelativa. Outro exemplo nojento, até causa repulsa, náuseas, e muitas coisas más, de alimentos que ingerimos bem piores que ossos de vaca - Alto e pára o baile!!! Advertência: Este é mesmo mesmo um mau exemplo meus caros, não aconselho a leitura deste post fantástico a partir daqui, a quem tem coração fraco, e alguma tendência para gases naturais e vómitos compulsivos! - Como estava a dizer, pior do que comer ossos de vaca moidos é... comer... comer... couves-de-bruxelas! Oh meus amigos, como vocês são capazes? Ainda reclamam que os chineses comem gafanhotos, enquanto vocês comem couves-de-bruxelas?!   (ahahahah) Atrofios à parte, voltando ao tema principal, quero lá saber se  a gelatina é feita de ossos de vaca moídos. Pior pior, é usar banha de porco na comida - pelo menos para mim, já me chega a minha banha - ou passar a vida a mastigar pastilhas, que têm nas propriedades petróleo, e comer gomas e essas coisas, e nem sequer saber do que são feitas - Cera de abelha? Que é isso pá?!

   Por falar em gomas... Espero que as pessoas que não comem gelatina (pelo factor de ser feita com ossinhos moidinhos), não tenham nenhuma pancada por gomas. Sim... existem gomas que têm gelatina nos ingredientes. Ou seja... A cada mão cheia de ursinhos goma, estão a ingerir uma pata traseira de uma vaca, ou o crânio da dita (não propriamente nestas proporções, mas vocês entendem a minha intenção).

    Dá que pensar, não é?

16.10.09

Cada tiro, cada melro!

frito e escorrido por Peixe Frito

     Detesto enganar-me a escrever um site na barra de endereços do browser, e esse endereço ir parar a sites pornográficos. Não há dúvida que é uma grande estratégia da parte dos proprietários desses sites porno, mas caraças, se quisesse ver pornografia ia lá ter directamente, escusava de fazer de conta que era engano num endereço...!

    Não havia nexexidade, hum zzz. :D

16.10.09

Coisas que eu gosto de snifar

frito e escorrido por Peixe Frito

    O cheiro dos fósforos, quando o esfregamos na caixa e a cabeça pega fogo. Não sei porquê, mas adoro aquele cheiro...!

    Será que tenho uma piromaníaca latente em mim, a tentar revelar-se a todo o custo, e eu ainda não dei conta?

15.10.09

Dah! Não se sente à distância? ^.^

frito e escorrido por Peixe Frito

   Que mania que uma pessoa têm, de desconfiar que determinada coisa cheira mal - será porque sai de lá um cheiro nauseabundo ou porque na zona circundante do objecto / coisa está um fedor daqueles mesmo mas mesmo bravos, assim um tufo maravilhosamente intoxicante, que quase até dá para ver a aura verde a pairar em redor - e mesmo assim vai lá enfiar o nariz, faz uma careta feiosa, seguida de um soluço quase-vómito, para confirmar aquilo que já sabia, com a frase: "Cheira mesmo mal". Ainda estou para perceber. Sabem o que ganham com isso? A morte imediata do Tico ou do Teco, ou uma moca daquelas ainda pior que o snif das tintas com cheiro a maçã! Mas nem tudo são más notícias,  lá no fundo ainda há algo positivo: com o aroma agradável que inalaram, snifaram conjuntamente com o ar putrefacto umas bactérias e etc, e assim ficam com uma colheita de cogumelos no nariz. Para os ávidos consumidores deste fungo, são sempre uns cobres que poupam; Para quem não aprecia, com alguma sorte, ainda conseguem fazer negócio em terreno nacional, e extendem-se pelo mundo, através da exportação dos vossos cogumelos, criados num ambiente biologicamente favorável, e sem aditivos nem outras coisas más.

15.10.09

Perfeitinho? Mais que perfeito..!

frito e escorrido por Peixe Frito

   

 

 

 

   Sublime, fantástico, assim algo a roçar o divino!! Quem o diz é o migo Swad, ao oferecer este miminho perfeitinho perfeitinho (não, não é como a cerveja) aqui à fritadeira! Ah, não é sublime? Pronto... ok. Também não é fantástico?... (cof cof) Muito menos a roçar o divino? Possas pá, ok ok, uma pessoa não se pode entusiasmar, que chamam logo à atenção, possas...! eheheh Obrigado Swad por este miminho cristalino :)

    Pois bem , a meu ver, este miminho não é assim tão perfeito. Porquê? Têm regras olha o catano! eheh

    Aqui estão as "bichas":

 

   1. Postar o link de quem indicou;
   2. Postar o selo;
   3. Passar o selo a 5 blogs perfeitinhos;
   4. Responder às perguntas;


   * Mania: Passar a vida a mastigar pastilhas;
   * Pecado capital: Pecados? Euuuu? Alguma vez?? Até parece...! ihih
   * Melhor cheiro do mundo: Do mar, ou das nespereiras em flor;
   * Se o dinheiro não fosse problema: Viajaria bastante;
   * História de infância: Ainda não saber lêr, e todas as noites tinha de "lêr" um livro de banda desenhada da "Turma da Mônica", livros os quais ainda hoje em dia adoro ler;

   * Habilidade como dona de casa: Sinceramente, não sei. Penso que sou boa cozinheira.

   * O que não gosto de fazer em casa: Arrumar o que os outros desarrumam.
   * Frase preferida: A certa no momento certo.
   * Passeio para o corpo: Qualquer um, desde que dê para descontrair;
   * Passeio para a alma: Passear ao longo da costa ou então um passeio ali à maravilhosa Serrita.
   * O que me irrita: Várias coisas tocam-me no nervo. Mas enumero uma: Algumas pessoas serem ignorantes que nem portas (até os bichos-do-caruncho têm mais miolo) e terem a mania que dominam tudo em termos de conhecimento, que têm a mania que os chatos andam de avião, etc etc, quando na realidade andavam a brincar às escondidas quando deus andava a dar a inteligência;
   * Frases ou palavras que uso muito: Ih bem... Eu falo para caraças, de modo que enumerar as frases ou palavras que uso muito, é obra;
   * Palavrão mais usado: Não sou pessoa para dizer assim muitas asneiras. Mas de vez em qando lá me sai um: "Possas", "caramba" ou até um "é mesmo palerminha"! ahahaha
   * Vou aos arames quando: Me irritam... ahahaahahaha
   * Talento oculto: Ui... isso agora. É tão oculto mas tão oculto que desconfio que nem eu sei! ahahha Penso que por vezes tenho o chamado dom da palavra, e que tenho maior habilidade em ajudar outras pessoas do que propriamente a mim própria;
   * Não importa que seja moda, eu não usaria nunca: Fatos-de-treino florescentes, nem crocs, nem às vezes umas coisas pirosonas e folclóricas que para aí andam.
   * Queria ter nascido a saber: Um pouco de tudo. Se soubesse tudo sobre uma coisa, não tinha lá muita piada, pois não? Assim não dava valor.
 

    Ofereço este miminho a:

    - Simplesmente a Daisy;

    - Brisa-do-Mar;

    - Diário da Margot;

    - Renasci das Cinzas;

    - Tretas ou Sonhos;

    - Pseudópodes;

    - Peter of pan;

    - Gato Pardo;

    - Simbioses;

    - O Hemiciclo;

    - Ideias Amarrotadas;

    - Vuty;

    - Learning from your mistakes;

    - Enigma;

    - Intervalo para café;

14.10.09

Procura-se ladrão!!!

frito e escorrido por Peixe Frito

   Cada vez que olho ali para a coluna lateral, a admirar a "Qualidade das Frituras", observo que me vão desaparecendo os meus galardões, a pouco  pouco! As estrelas da minha fritadeira!!

    Mas que se passa aqui?! Temos "ladrão" aqui a rondar a fritadeira?! Ó da guarda...!

Pág. 1/2

sobre a Peixe Frito

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

douradinhos frios

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D