Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ó da guarda, peixe frito!

Vai com arrozinho de tomate?

29.01.10

Ultimamente ando mesmo sádica...! úúúúúú...!!

frito e escorrido por Peixe Frito

    

   Para mim, uma das melhores invenções humanas foi o aparelho de luz negra, para atrair os insectos alados. E porquê? Bem... Porque por vezes por muito boa pontaria que tenha, não acerto no raio do bicho, porque quando preciso do mata-moscas, normalmente não encontro e lá tenho de arranjar um substituto (uma almofada, por exemplo), e também porque a minha gana é tão grande que as espalmo contra as paredes e depois para as tirar... fica lá sempre a marca tal e qual os desenhos a giz dos mortos na estrada!  E quando isso acontece, quando se limparam os vidros há bem pouco tempo e pimbas... fica lá logo o cadáver moscal no nosso ex-imaculado vidro...! Mas a verdadeira razão de eu achar o aparelho de luz negra uma das melhores invenções humanas, é porque é um aparelho de entretenimento e de utilidade. Sim sim, entretenimento, leram bem. Eu adoro ouvir as moscas a electrocutarem-se nas luzes negras...!! Então quando é um bicharoco grande e aquilo até faz fumo, mas tanto fumo, que parece que alguém está a fazer sinais-de-fumo na base do aparelho...! - e o cheirinho a queimado? eheh

   Que vocês querem?... São uns bichos que me irritam especialmente...! Por exemplo, as melgas. Uma pessoa querer dormir e elas andarem a melgar a malta. À pala delas, muitas vezes chego ao trabalho com uma cara de panda, o que por si só me faz ter de usar as bases para disfarçar as crateras debaixo dos olhos! Saem caro, as melgas. Sim, porque não há nenhum subsídio do estado para as pessoas comprarem bases, para serem usadas depois de uma noite mal dormida por culpa da fauna local!! Está mal...! Além das meninas terem a mania de morder a malta à descarada. Vejam bem, que anteontem encontrei uma baba no meu pescocinho de sereia. Olha que coisa bonita. Sorte a da melga de eu não lhe ter posto as barbatanas em cima, senão ia ver com quantos pauzinhos se faz uma canoa, e ia aprender igualmente o verdadeiro significado da expressão: "Vai-te encher de moscas"...! Por falar nelas, e as moscas? Uma pessoa a comer ao ar livre, e ter de andar constantemente a enxotá-las de todo o lado... em casa, quando entram as varejeiras, que mais parecem um boing 747 a embater nas janelas, já nem mencionando o zumbir, que ela é capaz de vir a caminho da sala, ainda no corredor, e já se ouve...! - E não é por eu ter uma audição fantástica. Até um velhote com o aparelho da audição desligado, consegue ouvir.

    Raios partam mais estas bichezas chatas...! Tenho de angariar um sapo... ou então comprar mais plantas carnívoras, essas sim, nunca lhes falta o que comer, fartam-se de encher o bandulho.

28.01.10

Se tivesse um buraco...!!

frito e escorrido por Peixe Frito

   Uma vez, estava um rapaz em pleno escritório a mostrar o desenvolvimento do seu trabalho ao seu chefe, e eis que de repente se começa a ouvir uns gemidos, assim um esfrega-esfrega aos altos berros. O rapaz super atrapalhado, lá desligou as colunas e etc., ficando com uma cara de quem se esfumaria se conseguisse, sob o olhar gravíssimo do chefe.

   Sabem o que aconteceu? Não, não estavam a ver sites pornográficos! Foi mesmo um pop-up que "saltou" no computador do rapaz!!!

    Resumindo: Não havia melhor altura para o pop-up dar o ar da sua graça. Escusado será dizer, que perante situações destas, não há agumento que valha.

27.01.10

Isto costuma dar uns dias antes de morrer...! ^.^

frito e escorrido por Peixe Frito

   Tenho uma especial aptidão, para deturpar as coisas daquilo que são na realidade, para algo que nada têm a ver. Quando digo NADA, é nada mesmo. Ora, há certas palavras que me fazem lembrar coisas para comer. Sei lá, acho que a sonoridade da palavra sugere algo para trincar. Um exemplo disso é o nome da aldeia ou vila, pronto... povoação "Almoçageme". Sempre que oiço alguém falar em "Almoçageme", dá-me vontade de gritar:

   - Manda aí um pires de "almoçagemes" para mim também, com uma bejeca fresquinha a acompanhar, ó fáxavor...!! - Sim... no meu pensamento "Almoçageme" liga bem com uma jola.

   Qualquer dia, quando estiverem num bar, não vão receber as típicas batatas-fritas, os tremoços, as pipocas reutilizadas ou os "minuíns" cheio de cuspe alheio, mas sim uma tacinha de "almoçagemes", e aí vão-se lembrar aqui da Peixa, como ela têm uma visão vanguardista...!

 

   Obs.: Nada contra Almoçageme hein! É uma povoação bem simpática, só para que saibam eheh

25.01.10

Estou a alucinaaar...! É uma assombração?? Help meee...

frito e escorrido por Peixe Frito

   Não sei se é um efeito da mistura de aromas do meu incenso a queimar ali dentro, conjuntamente aqui com a minha supé vela de menta, mas começo a achar que a minha casa é assombrada... (búúúú spookyyy...!) Ora, digam-me lá que isto não é estranho: estou a ouvir, há uma boa meia hora, pardalinhos a cantarem. Sabem que horas são? 21 hrs da noite...! Já era hora de os meninos pardalinhos estarem no ninho, sim porque já deu o Vitinho, ah pois é...!! Das duas uma, ou é alguém que escolheu um toque fantástico () para o telemóvel, e anda para aí a passarinhar com o dito, ou então... ou então não sei, cheira-me a esturro...! Hum... podia era cheirar a passarinho fritinho... ou estufadinho... hum... nham nham... Psiu, pardalinhoooos, onde andam vocês??

 

   P.S.: ahahah Pensavam que aqui a Peixa tinha desaparecido né? eheh Pois é, não desapareci não senhor. Mas para os interessados, tenho andado debaixo d'água com trabalho. Hein, gostaram da piadita, gostaram gostaram? Debaixo d'água...! Uma Peixa debaixo d'água eheh Desculpem lá, mas isto é muito aroma por estes lados, e acho que acabei de descobrir que não são apenas as tintas com aroma a maçã que poderão colocar uma pessoa a lamber paredes.

25.01.10

Tendências homicidas?...

frito e escorrido por Peixe Frito

   Anda para aqui uma mosca a moer-me o juízo, que vou-vos dizer que me está a dar uma gana de apanhar a bicha e de a por ali a grelhar na minha preciosa velinha de menta... que só visto!!!

21.01.10

Tãããão Lindooooo...!!

frito e escorrido por Peixe Frito

    

     Este sim, é um miminho...!   Estão-me a passar a mão pelas escamas, ah estão estão...! Mas eu não me importo, pois quem me ofereceu este miminho foram as amigas queridas Leucócito, Vuty e Enigma! Obrigado amigas, por este miminho tão amável :D

     Bem, é fofo e tal, mas toma-te, leva lá com as regras e não chias:

     - Oferecer o selo a 10 blogs;

     - Avisar os indicados;

     - Dizer o que achou do selo;

     - A pessoa que receber o selo, deve deixar um comentário à pessoa que o passou;

 

     Ora então, vamos lá a alinhavar:

     - Eu achei o selo um mimo! eheh Eu adoro receber miminhos, quem não gosta?

 

     Os meus comentários, são os seguintes:

 

     - Leucócito:

       Já temos algum historial aqui na blogosfera. Conhecemo-nos na altura em que ela ainda tinha outro estaminé, e acabou por surgir uma amizade natural, verdadeira e sincera. Gosto dela assim do coração, e é mais uma das pessoas que me provou que não é preciso conhecer alguém pessoalmente, para se nutrir carinho por alguém. Adoro ler o que escreve, é dona de uma imaginação engraçadíssima, e têm uma personalidade interessantíssima (a prova disso são os seus blogs altamente distintos); Adoro-te amiga :)

 

    - Vuty:

       A meiguice em pessoa. A Vuty apareceu cá pela fritadeira, e desde que o fez, a sua presença é constante. Dona de uma simplicidade e simpatia naturais, faz-me sempre sorrir com os seus comentários (por vezes) travessos e inocentes. Sem dúvida, é alguém que também estimo bastante. Obrigado Vuty, por continuares a vir aqui à fritadeira e largares as tuas postas eheh

 

    - Enigma:

       A Enigma têm sempre uma palavra amável a dizer. Sempre que faz algum comentário, esse mesmo está sempre inundado de miminhos, cafunés, essas coisas todas! Não se faz de rogada no que conta a demonstrar o seu afecto para quem ela gosta. E é uma característica cada vez mais incomum nos dias de hoje, dado que as pessoas, naturalmente e com a suposta evolução de pensamento, vão-se tornando cada vez mais reservadas e restritas. Obrigado Enigma, por todos os teus comentários mimosos e pela tua presença na fritadeira :D

 

     Ofereço este miminho a esta malta:

     - Diário da ex-Cobradeira;

     - Simplesmente a Daisy;

     - O Diário da Margot;

     - Brisa-do-Mar;

     - Tretas ou Sonhos;

     - Falta de chá;

     - O Hemiciclo;

     - Peter of Pan;

     - A Place like home;

     - Gato Pardo;

     - Cúmplice do Tempo;

     - Genny;

     - O Meu Cantinho (Libel);

     - O cú do mundo;

     - Simbioses;

     - Learning from your mistakes;

     - Ideias Amarrotadas;

     - Cantinho da Manu;

     - Espaço da Raquel;

     - Eh pá, Coiso!;

     - Sem Penas;

     - O universo fantástico das coisas sem importância;    

20.01.10

Até a bicharada anda louca...!

frito e escorrido por Peixe Frito

   Estava eu a apanhar o pouco do sol que conseguiu escapar-se por entre estas nuvens, com uma supé pose a armar-me em Carmem Miranda, e há alguém que me diz:

    - Peixa!!! Tens uma abelha pousada na mão...!! Enxota-a...!!

    E eu, com a maior das calmas, porque nem estava a sentir as patinhas da bicha, baixo a mão da cabeça e vejo a dita abelha, pousada num dedo. Pensei logo que ia levar uma ferroada na certa. Pois bem... a abelha, ao ver o meu olhar esbugalhado a mirá-la, deve ter-se assustado, pelo que deu corda às asinhas, e na maior das jardas, mandou-se para dentro do café de um dos meus colegas. Das duas uma: ou era uma abelha kamikaze ou mesmo com pancada brava nas antenas, porque não me venham cá com coisas, que passar uma vida a snifar pó, aquela cabecinha... ui ui...!

    E pronto... foi este o triste fim de uma abelha, que teve um encontro imediato de terceiro grau, com uma peixa.

20.01.10

Quem levavas para uma ilha deserta...?

frito e escorrido por Peixe Frito

   Ui quantas vezes eu respondi a esta pergunta, naqueles questionários dos tempos do liceu! Há quem diga que levava o Brad Pitt... ou o George Clooney... Pessoalmente andei indecisa entre responder se levaria:

   O Reynaldo:

 

      Ou o Jensen:

 

 

   Ou o meu tapete lá de casa... Foi uma competição renhida, mas cheguei a uma conclusão. Sabem quem eu levava para uma ilha deserta? Sabem sabem?? Pois bem, eu levava o... Bear Grylls!! "Bear Grylls?!", sim meus caros, o Bear Grylls...!

 

 

   O que têm o Bear Grylls de especial, perguntam vocês. Eh pá, sei lá...! Têm ali um sexappeal qualquer oculto... Além disso, de certezinha absoluta, que eu não morria à fome, nem dormia ao relento!!! eheh Ele têm uma sensualidade inata quando se agarra às lianas para descer uma queda de água, quando pega numa carcaça de bode e mete a roupa lá dentro, para atravessar o rio e ter a roupita seca na outra margem... Amo os seus gostos exóticos na culinária!... Quando está a comer aranhas, escorpiões, camaleões, peixes estripados, larvas, gafanhotos, testículos de bode crus, carcaças de bichos que os leões abandonaram na savana, comer o olho de uma cabra (globo ocular seus tarados), a beber sangue de um bicho acabado de matar, e a beber a própria urina!...

    Está sempre pronto para dar-ao-dente:

     

  

      

 

    

  

 

   Em cada episódio, estou sempre à espera que vai ele fazer daquela vez. Ou para ser mais precisa, que vai ele comer! Sim, como já repararam em cima, ele não se faz de rogado quando toca a comer. As descrições dele das coisas que come e as caretas que faz, são sublimes. Uma vez estava a comer uma larva assim beeeem gordalhufa, manda-lhe uma trinca, seguida de uma careta. "Parece uma explosão de pus dentro da nossa boca", descreve ele. Nhammm fico cá com uma vontade de comer larvas, ó laré! E houve uma outra coisa qualquer que ele estava a comer, e descreve como "parece ranho"... Bastante apetitoso! - Vocês estão a torcer o nariz?? Meninos-de-corooo eheheh

    A minha frase preferida dele, no que toca a comer coisas esquisitóides, é esta:

    "Comer significa energia, energia é movimento e movimento significa sobreviver"

    E mai nada...! Da próxima vez que não gostarem do que vão comer, pelo aspecto, aroma ou até sabor, lembrem-se do Bear Grylls.

 

    Penso várias vezes, como será ele em casa. Das duas uma: ou é um esquisitóide de primeira apanha no que toca a comer, ou então é um excelente garfo, e por muito má cozinheira que seja a mulher... marcha tudo!!

     Se eu fosse a mulher dele, depois de saber que andou ele a comer, acho que não o beijava durante uns tempos. Olha ele chegar a casa e me dizer que andou a fuçar numa carcaça de zebra, que encontrou semi putrefacta?    

 

    Entretanto, encontrei o blog do Bear G.. Quem não o conhece efectivamente, até recomendo uma olhadela ou então tentem mesmo ver o "Ultimate Survival" na Discovery Channel, que vale a pena. O homem é admirável. E agora estou a falar a sério...!!

19.01.10

Quando a pancada bate forte, dá nisto...!

frito e escorrido por Peixe Frito

    Vivendo e aprendendo! Então não é que descobri um novo método de pintar paredes, teclados, mesas e afins, sem precisar de tinta fresca e de pincel?? Sabem como é?

     Façam como eu: Ensinem formigas a voar. Que têm isso a ver? Basta pintarem as unhas com um verniz, e quando forem jogar ao guelas com as formigas, desculpem cof cof, ensinarem-nas a voar, se baterem com as unhas na superficie onde se encontra a formiga, pimbas... fica pintada! Assim, sem esforço, cheiros nem coisas para lavar...! Não acreditam? O meu teclado não têm a mesma opinião. E sabem que mais? O azul fica-lhe mesmo bem!! :D

 

    E por falar em formigas... lembrei-me de uma piada fenomenal. Preparem-se para se rirem que nem loucos:

    

     Eram uma vez duas formigas que se encontraram na rua. Diz uma para a outra:

        - Olá. Como te chamas?

        - Fu - responde a formiguita - e tu?

        - Ota.

        - Ota?

        - Sim... Ota Fumiga.

 

      Genial não é?

18.01.10

Quem tem as mãos amarelas???

frito e escorrido por Peixe Frito

    Quantas vezes já aconteceu, um casalito ir dentro do carro, e de repente cheirar a morto? Vira-se logo a moça para o moço:

     - Kiduxo... tu largaste-te??

     - Euuuu?

     - Que ideia... - resmunga a moça, a tapar o nariz e a abanar o ar com a outra mão.

     - Cá para mim, foste mazé tu fofinha, e agora dizes que fui eu...

     - Olha agora... Tens cá uma lata... Bem capaz és tu de mandares as culpas para cima de mim, e teres sido tu...! Até parece que era a primeira vez...!

     - É... dizes logo que fui eu, para te descartares, como foste a primeira a acusar!!

     Entretanto, a moça-assim-já-meio-verde-de-agonia-e-quase-a-chamar-o-raúl abre a janela, tal era o pivete dentro do carro... Que descobriram? Que o cheiro vinha da rua, e que apesar de dentro do carro cheirar mal, era preferível manter as janelas fechadas...! Passaram por uma zona com os canos do esgoto ao ar livre, pelo que o maravilhoso, estrondoso, fantástico, absorvente e alucinante aroma natural a "terra", era abundante naquela zona.

      Mas cá para mim... eu acho que houve alguém que se aproveitou da dica...!

14.01.10

Venderam-me gato por lebre...!

frito e escorrido por Peixe Frito

   Estou a roer um rebuçado-de-mentol. Bem, pensava eu que era um rebuçado-de-mentol, porque agora, passado um bocado, têm assim um pseudo sabor a floco-de-neve. A embalagem é igual, aspecto igual, cheiro igual... sabor? O sabor era igual, mas transmutou-se.

   Será que o mentol era "do chinês", ou a minha saliva é milagrosa, e tal como Jesus transformava água em vinho, eu transformo rebuçados-de-mentol em flocos-de-neve?

 

   Obs.: Não me liguem. Foi um espasmo no Tico e depois saem-me posts destes e tenho esperiências bizarras...!

14.01.10

Uau... mas que preciosidade...!

frito e escorrido por Peixe Frito

    Olhem que rico miminho a amiga querida Libel ofereceu à fritadeira:

   

   Obrigado amiga, tu que tens sempre palavras de ouro, gentis e amáveis, com uma disposição fantástica que animas sempre a malta toda... até "acordas um morto"! eheh Retribuo-te este miminho com o mesmo carinho e amizade que mo ofereceste, e mais uma vez, obrigado :D

    Hoje é o vosso dia de sorte, já é o segundo miminho sem regras. Como tal, ofereço este miminho a todos os leitores aqui da fritadeira!

 

    P.S.: Ó Libel, por acaso não foi a menina que palmou o meu caldeirão, não?? É que um selinho de ouro é assim a roçar o suspeito... no mínimo! eheheh

14.01.10

Remédio...?

frito e escorrido por Peixe Frito

   Eu é que não tenho remédio! eheh 

    

    As amigas queridas, amorosas, simpáticas que me ofereceram este miminho foram a Leucócito, a Vuty e a Enigma. As meninas estão mesmo a precisar de tomar remédio, para dizerem que aqui a fritadeira é o seu remédio...! Espero é que não seja daqueles remédios, que deixam assim as pessoas meio alucinadas e isso... a lamberem paredes... a ouvirem objectos a falarem com elas... que as faça comer couves-de-bruxelas e gostar, e como se não bastasse, que as faça começar a gostar do Humberto Bernardo...! eheh Vá, ponham-se a jeito, para ali a menina enfermeira vos dar uma seringada :D Obrigado a todas por atribuirem este miminho à fritadeira :D

    Este miminho não têm regras - Alto e pára o baile! Não há regras? (pausa) ALELUIAAAA!!!

    Antes de oferecer o miminho, quero adverter aos bloggers nomeados que têm de se por em fila s.f.f., sossegados e em silêncio, já com a manga da camisola para cima, para não demorar muito a pica, e garanto, garanto mesmo mesmo que esta não vai doer nada!! :D

    Os felizes contemplados para levarem uma pica, são:

 

     - Diário da ex-Cobradeira;

     - Simplesmente a Daisy;

     - O Diário da Margot;

     - Brisa-do-Mar;

     - Tretas ou Sonhos;

     - Falta de chá;

     - O Hemiciclo;

     - Peter of Pan;

     - A Place like home;

     - Gato Pardo;

     - Cúmplice do Tempo;

     - Genny;

     - O Meu Cantinho (Libel);

     - O cú do mundo;

     - Simbioses;

     - Learning from your mistakes;

     - Ideias Amarrotadas;

     - Cantinho da Manu;

     - Espaço da Raquel;

     - Eh pá, Coiso!;

     - Sem Penas;

     - O universo fantástico das coisas sem importância;

 

     e claro, retribuo às meninas que mo ofereceram ;)

13.01.10

Dúvida Existêncial Monocromática

frito e escorrido por Peixe Frito

  

  

   Aqui há dias, disseram-me que as pessoas, regra geral, sonham a preto e branco. Que somente algumas pessoas sonham a cores, e que muitas nem sequer se recordam se sonham a cor ou a preto e branco. Nunca tinha ouvido falar disso. E fez-me especial confusão, porque eu sonho a cores, e acho bizarro sonhar a preto e branco. Se de facto é verdade, assim não têm muita piada sonhar, não é? Se não se sonha com cor...! Nem sequer dá para sonhar um cenário romântico, à beira-mar, a ver o pôr-do-sol... De mãos dadas... pézinhos na areia... Que diferença faz ser pôr-do-sol ou nascer-do-sol? A cor é igual! E as frases românticas? "Ai doçura, os teus olhos são lindos" (devem é parecer os olhos de um carneiro-mal-morto).

    E vocês? Sonham a cor ou a preto e branco?

    Ah, é verdade. Hum já viram? Que belos sonhos-de-abóbora... Que têm a ver com o post? Nada...! Era só para despistar! eheheh Ficaram logo a sonhar em fincar o dente num não foi? E foi a cores ou a preto e branco? (eheheh)

12.01.10

Cúmulo da Ironia --'

frito e escorrido por Peixe Frito

   Ter os dentes-do-siso a crescer há já cinco anos, e os tipos nunca mais rebentarem. Das duas uma: Ou é uma tentativa desesperada do meu próprio corpo me dizer que já devia era ter juízo na tola, ou os dentes até têm é vergonha de "dar-a-cara", visto que os dentes-do-siso têm a fama de serem os "dentes-do-juízo", e juízo, é coisa que não abunda por estes lados. Pronto... eu até sou uma moça ajuizada, não aperto é o casaco todo...! - Só têm três botões e o casaco é de tamanho médio, que estão à espera!!

 

   Obs.: A minha fonte de inspiração foi o falta de chá aqui.

12.01.10

Em que se devem ter inspirado? ^.^

frito e escorrido por Peixe Frito

 

   Aqui há dias, comprei pão num centro comercial. Um pão fantástico... fofinho... assim super apetecível, e com uma legenda a dizer: "Manda-me uma trinca, s.f.f." ou neste caso mais hardcore "Faz de mim uma sandes...!"*; Por norma, e atenção eu não percebo muito de pães e o caraças (carcaças pá, carcaças!! Vocês lêem tudo ao contrário..!!), pelo que para mim, os nomes dos pães resumem-se à dita "carcaça", "pão-alentejano", "pão-saloio", "pão-tigre", "baguete", "pão-de-milho", "pão-de-centeio", "pão-de-cereais", "pão-de-leite", "vianinhas", "bolinhas", "maminhas", "pão-com-chouriço", e claro, "pão-de-ló"...! ;) Acho que não me estou a esquecer de nenhum. A verdadeira surpresa, foi quando fui ver o nome do pão, para a próxima comprar outro igual. Sabem como se chamavam os pães, sabem sabem? Como sou uma tipa porreira, eu digo.

   O pão em voga lá pelo aquário, são as...:

    - Caralhotas;

    Ora... eu nunca tinha ouvido falar de um tipo de pão com este nome, e confesso, se ouvisse falar assim do ar, para mim, tinha mais nome de brinquedo sexual do que propriamente de pão!

 

    *É uma adaptação na versão da padaria, de uma frase muito utilizada na indústria musical "Faz-me mulher"; Sinceramente... Quem têm coragem para dizer isto? "Faz-me mulher" possas... Os transsexuais ainda vá que não vá, agora mulheres quererem ser mulheres... Vadias pá...!! eheh

11.01.10

Coisas que detesto...!

frito e escorrido por Peixe Frito

    

   Pedir compal de pêssego, e trazerem-me de alperce. Eu reclamar e ainda me reponderem: "Mas é igual..." Se fosse igual, não existiam pessegueiros nem alperceiros, não? Helloooo...!

    Esta malta pá... Só me torram o juízo (o que resta...).

    Para quem têm dúvidas, espero que as imagens abaixo ajudem:

 

    Pêssego:                                                             Alperce:

    

 

    Vá mais uma:

 

    Alperce:                                                                   Pêssego:

  

 

    Se ainda assim tiverem dúvidas, pode-se arranjar um desenho!

07.01.10

São todos uns tretas...

frito e escorrido por Peixe Frito

   ...ou então houve alguém que chegou primeiro!

  

   Hoje de manhã, testemunhei um acontecimento maravilhoso da natureza, logo mas logo pela matina, a caminho do trabalho (também, acontece-me tudo a caminho do trabalho ou na vinda deste): Vi um arco-íris. "Pfff... Viste um arco-íris", dizem vocês "Grande coisa!!" Pois é... já vi milhentos, mas este teve o seu quê de original: Pela primeiríssima vez, vi o fim do arco-íris. Inclusivamente, passei pelo meio da ponta do arco-íris (parece mau português mas vou explicar: a ponta do arco-íris ocupava uma faixa na estrada, e era precisamente nessa que eu ia a circular) e vi, de um modo gradual, o arco-íris a ficar mais forte e a esvanecer conforme eu o atravessava. Achei fantástico. Uma experiência interessante. O que eu não achei fantástico, foi finalmente encontrar o fim do arco-íris, e caldeirão cheio de moedas de ouro com um duende a guardá-lo... népias!! Gostava de saber, quem foi o engraçadinho que me palmou o caldeirão!! Não há direito... E não me venham cá dizer, que o caldeirão estava na outra ponta... pois pois... abotoaram-se foi à guita, foi o que foi!

 

    Nota: Se for preciso, passo tempos infinitos sem ver um único arco-íris. Neste fim-de-semana vim um duplo, da janela do meu quarto; Hoje de manhã, atravesso um. Há coisas do caraças.

      Nota 2: Arco-íris palmado da net.

07.01.10

Alguém me anda a tourear...!

frito e escorrido por Peixe Frito

   Pois bem...! No outro dia era o cheirinho a croissants logo pela matina, ontem ia a caminho de casa, com a barriga a dar horas e ratos a roerem, quando passo por uma churrasqueira. Por acaso, até tinha a janela fechada mas tinha a chofagem ligada. Que aconteceu? Entrou o cheiro dos churrascos dentro do carro e foi uma tortura até o cheiro se dissipar. É que parecia que alguém estava a grelhar assim umas bifanas fantásticas, na traseira do meu carro. E eu... nem vê-las.

05.01.10

O meu supé Reveillon...!

frito e escorrido por Peixe Frito

   Este ano, tive especial dificuldade em encontrar um canal na televisão, que passasse a contagem para o Ano Novo. Lá tivemos de andar a passar de canal em canal, visto que cada relógio lá no aquário-mor dita a sua sentença. Eis que, no meio da busca, deu-me vontade de ir à casa-de-banho. Pensei «Um xixizinho rápido, e volto a tempo de brindar a passagem de ano». Isso pensava eu. Estava eu na casa-de-banho, a contribuir para o aumento do nível das águas, e não é que oiço a sirene dos Bombeiros lá da zona... a assinalar a meia noite! E eu sentada na sanita!! Que sentido de oportunidade...! Só ouvia a minha mãe a chamar-me: "Peixa, onde andas tu?" e dizia o meu pai, em modo trocista: "Está na casa-de-banho!!!!"

   E assim foi, a minha passagem de ano. Passada na sanita, a fazer um xixizito. Fartei-me de ser gozada pelo pai Adamastor, que diz que foi um excelente modo de passar o ano. Mas nem tudo foi mau: Não me esqueci de vestir a cuequita azul...!

Pág. 1/2

sobre a Peixe Frito

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

douradinhos frios

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D