Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ó da guarda, peixe frito!

Vai com arrozinho de tomate?

Mais fica!! :D

26.05.09, Peixe Frito
   A coisa mais estranha que eu já ouvi, relativamente a uma travessa de belos caracóis ali a pedirem para serem trincados, não foi: "Olha, está ali uma lagarta cozida!!", nem "Blergh só ranhoca!!" Foi:    - "Como é que os caracóis têm os corninhos de fora? Assim não os consigo comer :P"      P.S.: À "pala" de dois posts de hoje, habilito-me a levar no lombo, e a ser torturada com caracóis ranhosos e gosmentos, por isso, se nos (...)

A chamada cozinha-de-fusão...

26.05.09, Peixe Frito
    ...made in Portugal!     Era uma vez uma criatura, que não gosta de comer caracóis. E então, após muita insistência de parte dos amigos, decidiu voltar a comer, visto que eles estavam a comer com tanto prazer. Eis que, inventou um prato novo: arrepanhou duas batatinhas fritas (sabor a presunto) e espetou um caracolinho (sem casca!) lá no meio, tipo sandocha, e pimbas, vai de mastigar... (careta no meio do processo... careta no fim do processo. Golada de cerveja)      (...)

Sinais da P.D.I. (3)

25.05.09, Peixe Frito
   Quando puro e simplesmente nos baixamos para carregar no botão da torre do computador, para o ligar, e fazemos uma coisa parecida com uma distenção muscular no lombo (foi mas foi porrada nos costados e depois dizem que foi a ligar o computador), e até para respirar não podem inspirar muito fundo, e andam a anti-inflamatórios e antibióticos para aquilo passar.     Ah pois é. A idade não perdoa!!! :D

A coisa mai linda que me disseram

25.05.09, Peixe Frito
   Estava um casal de amigos a enfardar lá em casa, e eis que, eu, como boa anfitriã, tive de perguntar se o "morfes" estava bom, ou se estava mau. E foi aí, nessa resposta pomposa que me disseram a coisa mai linda acerca dos meus cozinhados:   - "Se fosse mau, era bom na mesma!"   Oiçam lá pá! Mas isto é um elogio? Estão aqui, estão a aprender com quantos pauzinhos se faz uma canoa!!! - looool

É péssimo...

14.01.09, Peixe Frito
... sermos convidados por amigos para irmos a casa deles jantar, e o jantar estar horrível. E quando a anfitriã (e cozinheira) pergunta: "Está bom, não está?", e nós a pensarmos «ui, que ideia. Deves ter algum problema no paladar», mas mesmo assim, acenamos timidamente com a cabeça, em sinal positivo.    E depois de termos comido (petiscado!) do que tinhamos no prato, ainda nos perguntam: "Não queres mais? Comeste pouco...", e nós, aflitos da vida (...)