Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ó da guarda, peixe frito!

Vai com arrozinho de tomate?

Vento, ventaniaaaaaa....

07.02.12, Peixe Frito
   É habitual  verem-se animais a pastar no campo. Assim, á solta, á sua vontade. Umas ovelhas ou vacas ou cabras... até bois e cavalos. Nada de anormal. A questão, é que invés de eu ver os mémés a pastar, vejo galinhas a "pastar" no monte. Ao inicio pensei que estava a ver mal, que era uma ilusão. Um aviso de Deus a dizer-me "Peixaaaaaaaa (voz tenebrosa) andas a dar muito no frangoooooo... vê lá se te atinaaaaaaaaaaas e come antes uma peça de frutaaaaa que te faz (...)

Já não se pode ter um minuto de sossego...

27.01.12, Peixe Frito
   Este frio têm dado cabo de mim. Sinceramente. Até fico com o cérebro dormente com este frio agreste. Chego a ter tantas camadas de roupa quanto uma cebola têm anéis ("oger's are like onions", lá diz o Shrek, mas eu prefiro o que diz o burro e que sejam antes camadas de mil folhas ou de algo igualmente guloso e pecaminoso) - já não me bastava na cama. O que vale é que não tenho comido as minhas amadas Pri (...)

Até parece uma anedota de loiras...!

23.01.12, Peixe Frito
  Está aqui a Peixa com uma das primas ao colo - sim uma, vocês sabem que quando os peixes procriam são às centenas, não sabem? :) - que têm aí os seus tenros quatro aninhos. A olhar para mim muito fixamente, diz-me assim:    - Primaaaaa tens os olhos azuis!!!    E eu, muito descontraidamente:    - Não prima, são verdes, mas por vezes podem parecer azuis.    - Nãããããão! Tens os olhos azuis!!!    - Não amor, são verdes... - eita pachorra.    - Olha (...)

Constatação do dia

18.01.12, Peixe Frito
       Com este frio, a minha cama mais parece um mil folhas que outra coisa, tal é a camada de cobertores, edredons e capas que têm em cima - qualquer dia viro sandocha de peixe. Faz-me lembrar os velhos cheios de cobertores, e cobertores, e cobertores, não satisfeitos e ainda com frio, têm até daqueles eléctricos! Sem descurar, que também andam com a bela da botija a (...)

É sexy, sim senhora!

13.01.12, Peixe Frito
   Uma gaja têm a mania de andar a comer coisas que fazem bem à saúde. Ora são os produtos derivados de aloé vera (não sei se se pode incluir os papéis-higiénicos húmidos com loção de aloé vera, que embora não sejam comestíveis entram na secção de que fazem bem à saúde - que deixam a pele hidratada, suave, mesmo a daqueles sítios mais refundidos... :D - e na secção do "estar na moda usar") os sumos de não-sei-quê que depuram o organismo que devem ser bebidos em (...)

Ainda põe uma pessoa a pensar que está maluca!

28.11.11, Peixe Frito
   Eh pá, vou confessar uma coisa: A publicidade à RFM que passa na televisão, a primeira vez que a vi, fiquei pasmada a olhar para a tv e ia-me dando um fanico...! Querem saber porquê?? Não, não é pela genialidade do anúncio, não é pelas palavras mágicas que proferem nem pela voz mágica do anúncio, mas sim porque o ecrã ficou todo vermelho e eu exclamei logo: "Olha porra, não me digas que a tv deu o berro! Vejo o ecrã vermelho mas estou a ouvir o som do anúncio... Fosga-se!"

Que ingenuidade...

24.11.11, Peixe Frito
   Desabafa o Piolho lá do aquário:    - Mas porque é que as meninas não se p#idam?!    Perante esta pergunta fervosa, assim com um pouco de indignação na voz do Piolho, responde a Peixa muito calmamente, com a sua sabedoria infindável:     - Isso dizes tu, que elas não se p#idam. Mandam daqueles de pantufas, que nem dás conta!     - Que são das piores. São as que cheiram bem mal! - complementa a minha frase mágica, o pai da criatura das dúvidas existênciais. (...)

Dá que pensar...!

20.10.11, Peixe Frito
   Realmente, quando gravamos sons de animais na vida selvagem, e depois se fazem aquelas músicas de meditação de sons ambiente, etc, será que alguém alguma vez se lembrou o que estarão os bichos a falar? Eh pá, sei lá! A conversa entre duas baleias assassinas não deve ser lá muito amável:    - Ai que leão-marinho tão apetitoso. uiiiii assim rechonchudinho...    - Querido, já te disse, olha o teu cástrol! Nada de leões-marinhos!    - E uma foquinha... pode ser? (...)

Que ruindade...!

20.10.11, Peixe Frito
   Costumo pôr música de meditação, com o som do mar, das baleias (sim Raquéli, das assassinas!!!), gaivotas, para relaxar, meditar... e observar o quanto as minhas tartarugas ficam inquietas a olhar para todos os lados!      Se calhar, ficam em pânico e a pensar "que coisa horrenda" - como eu penso quando oiço Britney Spears ou Justin Bieber.        Obs.: Não pensem que eu gosto de torturar as minhas bichanas, por quem tenho grande amor e estima. Descobri isto (...)

Que Deus me salve a alma, que o corpo já foi!

19.10.11, Peixe Frito
   Que raio de mania que tenho, de que cada vez que encontro um cabelo na roupa (meu convém frisar), o pego pela pontinha, e vai de o balançar, assim tipo mola?     Há quem tenha fetiches com cabelos, é certo, mas não, não é o meu caso. Puro e simplesmente, a humidade outonal que já se faz sentir no ar (e nos ninhos-de-ratos), começa a mostrar sinais do ar da sua graça nos efeitos colaterais que se evidenciam nesta cabecinha, nomeadamente, fazer da própria juba que deu (...)

Traumas de Infância

18.10.11, Peixe Frito
   Dizerem que se engolisse os caroços da laranja ou as sementes da melancia, que me crescia uma árvore na barriga. E que se engolisse uma pastilha elástica, que quando fosse à casa-de-banho, fazia balõezinhos (não sei até que ponto isto mete medo à criançada, mas pronto!).

Coisas que eu adoro... ou não!

14.10.11, Peixe Frito
   Não há nada mais maravilhoso e encantador, do que espirrarmos e... mordermos a língua. Sim, é óptimo conseguirmos fazer duas coisas de uma só vez, matamos dois coelhos de uma cajadada só e poupamos tempo, maaaaas posso garantir que neste caso, a situação não é nada agradável. Além de andar a espalhar micróbios, partilhar a minha ranhoca com algumas coisas em meu redor, enfim, deixar os macaquinhos-do-sótão passear e arejar um pouco na rua, nem sequer posso praguejar (...)

Que medoooo...!!

05.10.11, Peixe Frito
   Isto realmente, uma pessoa pensa que pode estar descansada, mas não! Vamos à praia, com o intuito de descansarmos, relaxarmos e descomprimirmos da semana, e não é que nem na praia se pode estar sossegado? Sabem porquê? Ora é claro, temos de estar sempre atentos aos amigos-do-alheio, nunca pensei foi que as gaivotas também formassem a sua própria seita, de andar no "cardenho" às pessoas. Então, não estou eu descansada na água, olho para a minha toalha e tralhada, que se (...)

Esta malta pá... O pessoal bem que se esforça...! ^.^

02.10.11, Peixe Frito
   Tal como as revistas de culinária, que a maioria do gajedo compra e nunca se lembra de usar, os programas de culinária têm praticamente a mesma utilidade. Ora, falo por mim. Adoro ver o Ingrediente Secreto, o Jamie Oliver, a Nigella, Em forma na Cozinha e até o Master Chef. Agora perguntem-me se alguma vez esta alminha cozinhou alguma das receitas que viu? - Bem na realidade cozinhei duas receitas... ao fim destes anos todos a assistir assiduamente os programas de culinária - (...)

Mentes poluídas pá, uma pessoa já não pode dizer nada...!

08.09.11, Peixe Frito
   Está um dia abafado. Nuvenzinhas no céu. Não está frio nem está calor. Está assim assim. Não cheira nem fede. Não é carne nem é peixe. Hora de jantar. Estão sentados à mesa. Acabam de comer. Hummm... que rico jantarinho. Batem de um modo satisfeito na pança. Atestados até cima. Não cabe nem mais uma ervilha (para quem come ervilhas, pois está claro). Ainda falta a sobremesa. Ah e tal... arranja-se espacinho. Para comerem o geladinho, precisam das taças. Têm de as (...)

Confesso-me...!

06.09.11, Peixe Frito
  Se há coisa que eu tento não fazer é... Abrir um figo antes de o comer. Garanto-vos que na maioria das vezes em que o faço, a probabilidade de o comer reduz drásticamente. E "porquê", perguntam vocês? É que se quiserem comer carneiros, nada melhor do que um figo, que são uma mina deles. Eu não desgosto de carneiros... Mas assado no forno com batatinhas a acompanhar, não daquelas criaturas "pseudo-aladas"!    Acho que ando com um trauma com carneiros da fruta... cheira-me!