Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ó da guarda, peixe frito!

Vai com arrozinho de tomate?

Não me posso queixar com falta de animação.

15.04.13, Peixe Frito
  Ora, então vamos lá a enumerar os acontecimentos principais do meu dia de ontem:   - Começar a manhã a limpar o aquário, aproveitando o solzaço que estava na rua. Durante essa tarefa, como estava a ser monótona, vai de partir castiçais e de encalhar em tudo e mais alguma coisa;   - Decidi arrumar umas coisas na dispensa - por arrumar, leia-se treinar o laçamento de rolos de cozinha para a prateleira mais alta da dispensa. Causa-Efeito: Quando dou por mim, estou a ser (...)

Este vêm um bocado para o atrasado, mas prontos pá...!

09.04.13, Peixe Frito
 Lá pelo aquário mor, debateu-se um pouco a questão da sexta-feira santa. Ora, porque uns são crentes, outros descrentes, outros assim assim e outros como eu: não me aquece nem arrefece. A verdade é que a mãe Peixa já estava a ficar incomodada com a questão que estávamos a debater, que era a de se alguém tinha algum problema em comer peixe na dita sexta-feira santa ou se, por hábito, até comiam carne e não ligavam peva à situação.   Eu pessoalmente, não ligo nenhuma. Se (...)

Que grande sentido de oportunidade...!

02.04.13, Peixe Frito
  Imaginem: Chuva forte. Muito forte. Assim, chover a potes (ou cântaros, ou baldes. Para ser mais taco-a-taco, barris). Troveja. Os relâmpagos iluminam o céu. Um som ensurdecedor da trovoada por cima das vossas cabeças. Os vidros de toda a casa abanam... Onde se encontram vocês? Para mim, no lugar mais seguro à face da terra, a seguir a estar debaixo de uma árvore num dia de trovoada horrenda: encontram-se no cimo de um poste de electricidade!   Eh cum caraças! Aquilo é que é (...)

Está morto e ainda ninguém lhe disse nada...!

20.03.13, Peixe Frito
  Todo o santo dia tenho vivido uma experiência paranormal. Sim, que isto de falar pelo msn sem o mesmo existir mais, é um género de falar através do além.   Já me sinto habilitada para dar consultas como médium. O único problema nesta coisada toda, é que falo com pessoas vivas... Será que alguém vai notar este pequeno pormenor, quando me perguntarem qual a minha experiência como médium?    (Silêncio. tu...tu...tu... O número para o qual ligou não está disponível. (...)

Está tudo queimadinho...

15.03.13, Peixe Frito
 - O seu telefone esteve a tocar. O telefone, não o telemóvel.  Vai a criatura e pega no telemóvel. Fica a olhar fixamente para o telemóvel.  - O telefone é que tocou não o telemóvel...  E continua a olhar para o telemóvel.  - O telefoneeee, o telefoneeee, o telefoneeeeeeeeeeeeeeee..!!  - Ah... O telefone.  - Sim... O telefone!

Todos os dias ando com uma "broa" descomunal das "pesadas" e não sabia...!

13.03.13, Peixe Frito
  Segundo este artigo, a música têm uma influência no cérebro similar a droga.   Eu que sempre pensei que pronto, era mesmo bem humorada, uma pessoa positiva, alegre, de modo genuíno, espontâneo e naturalmente tótó, mas afinal não... A culpa é da música que faço questão que esteja constantemente presente na minha vida, em qualquer altura do dia - Bem que uma vez me perguntaram que (...)

Quando se é "fóte", é assim!

07.03.13, Peixe Frito
  Há quem parta madeiras com um golpe de canto.   Há quem parta colheres de pau no lombo de alguém.   Há quem parta nozes com os dentes - também há quem o tente fazer e que parta mas é a placa;   Há quem consiga abrir um frasco com a maior das facilidades - e ainda se gabe disso e se habilite a levar com o dito frasco no alto da pinha.   Há quem fulmine só com o olhar.     Eu?...   Eu parto cotonetes com as orelhas!

Curtas...!

12.11.12, Peixe Frito
  - Ah sim, no ano passado o motivo não era o Pai Natal, mas sim um Homem das Neves, não era?   - Homem das Neves...?   - Sim...   - Homem das Neves?! Boneco de Neve... não?   - ... Pois, é isso (cof cof).     Havia de ser lindo um dos motivos natalícios ser o Abominável Homem das Neves...! Isso é que devia de ser vender artigos natalícios!

Agarra que é ladrão!!! ^.^

26.09.12, Peixe Frito
  Lá vou eu na minha vida, pacata e serena, e oiço o alarme de um carro a tocar. E a tocar. E a tocar. E a tocar. Passo pela gasolineira, e qual o meu espanto, que observo um gajo, na maior das descontracções a abastecer o seu veículo, grande pose a segurar na mangueira - hey, sei que esta junção não soou bem, mas não sejam pervertidos :) - e mão na cintura, com o dito veículo com os quatro piscas ligados e... o alarme do carro a tocar.   Ora, digam-me lá se não é de (...)

Hoje estou virada para isto...

09.04.12, Peixe Frito
  A parvalheira contra-ataca... FUJAM!!      Hoje as minhas vítimas além dos meus caros leitores que ainda restam são os elefantes: - Como fazes para um elefante não passar pela fechadura?   Dás-lhe um nó no rabo. - E para um elefante passar debaixo de uma porta??   Mete-o num envelope. - E se mesmo assim não passar?   Tiras o selo... Dah! - Porque é que um (...)