Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ó da guarda, peixe frito!

Vai com arrozinho de tomate?

Aiii é amooor, ai ai amooooor... É amor!

01.03.19, Peixe Frito

Alguém cantar mal mas mal... porém, cantava a embalar a sua filhota - a escolha da música era mega hiper duvidosa, ainda assim, era essa que lhe cantava. Gostos!

Digo-lhe eu:

- Possa, assim a criança até finge que adormece só para não te ouvir cantar.

A verdade, é que ela adormecia na mesma. Concluo que amor entre pais e filhos é mesmo incondicional e por muito que o progenitor tenha voz de cana rachada, faça estilhaçar vidros e espante os animais num raio de uns bons kilómetros à sua volta, a sua voz soará sempre melodiosa, como uma bela sereia a encantar os marinheiros, à sua criancinha. E que o amor além de cego, é surdo.

Deus queira que a criança não cresça com problemas auditivos... Assim só de surra 

largar posta:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.