Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ó da guarda, peixe frito!

Vai com arrozinho de tomate?

27.06.18

TAG "Completando frases"

frito e escorrido por Peixe Frito

É isso mesmo! Ousaram desafiar aqui a bela da Peixa, a responder a este desafio de completar frases. E quem me desafiou? A fôfa Ninita! Grata minha querida, pela nomeação. Uma beijoquinha para ti  Vou tentar responder do modo mais sério e solene possível. Não prometo que não saiam bacoradas pelo meio, já sabes como é... Mandas-te-a vir, agora olha... 

 

Sou muito fadada de mau génio - sorte que o mau génio só aparece quando é espicaçado, senão era o fim dos tempos em três tempos - um sentindo de humor muito sarcástico e que me sai nas alturas menos adequadas como se tivesse vida própria, muito positiva na maneira de ser e de estar e com tendência a espalhar essa positividade por todo o lado, crua a falar - não tenho hábito de usar paninhos quentes - amiga do meu verdadeiro amigo e possuidora de um coração do tamanho do mundo.

Não suporto mentirasmá educação, maldade e gente armada ao cardo. Deus me livre que às vezes até se me sobem os calores frente a determinadas situações. Ah! Não suporto igualmente maus tratos a crianças e a animais ou outros seres vivos. Passo-me com o modo como algumas crianças são agredidas verbalmente ou fisicamente, de forma abusiva, ou até mesmo quando os seus pais não as amam ou estimam como uma criança merece ser. Do mesmo modo que me apetece estrafegar alguém, quando passeio na floresta e vejo lixo espalhado pelo chão e quando tratam os animais a pontapé. Principalmente quando oiço coisas como: "Meh, é só um animal" ou "é apenas uma planta, não sente nada". Pois, é isso.

Eu nunca parti, rachei nenhum osso do meu corpo (nem do de terceiros, que eu saiba). Uma sorte do caraças, só para que saibam!!

Eu já me atirei para dentro de uma piscina, sem saber nadar, apenas porque achava que se os outros conseguiam, também eu era capaz de o fazer sem as minhas bóias de estimação.

Quando era criança, podiam deixar-me na toalha na praia, que eu não saía do sítio: detestava a sensação da areia nos pés. Só saía ao colo ou a correr em direcção à água. Na volta, o Pai Adamastor trazia-me ao colo e só depois de me certificar que a mãe Peixa batia a toalha da praia e não havia mais areia, é que ele me podia por na toalha.

Neste exacto momento estou numa de relax, porque a vida não é só stress e aqui a gaja também merece.

Eu morro de medo de nada. Não há assim nada que eu seja capaz de colocar nesta categoria.

Eu sempre gostei de comer caracóis e de churrascadas. E de experimentar comidas esquisitas.

Se eu pudesse... nem sei bem que fazia. Acho que faria tanta mas tanta coisa, entre elas ajudar pessoas e viajaaaaar muito mais.

Fico feliz quando faço jardinagem e trato de plantas, estou perto de quem gosto, quando estou na praia ou dou um passeio na floresta. Muito feliz quando como manteiga de amendoim ou gomas.

Se pudesse voltar no tempo, daria mais uma catrefada de beijinhos e festinhas ao amor, tesouro, anjinho do meu coração, antes de ela partir.

Adoro viver. Sentir o sol quentinho na face num dia de inverno, o cheiro a maresia da praia ou o cheiro das árvores na floresta.

Quero muito ir ao encontro do desconhecido. E porquê? Porque gosto de desafios.

Eu preciso de nada. Tudo o que necessito tenho aqui e agora na minha vida, na medida necessária para ser feliz e grata.

Não gosto de monotonia, tédio e coisas assim. Menos de preguiça, okay?? Adoro preguiçar.

 

E os nomeados são (*tamboreeeesssss*):

Genny

Raquel

Happy

Samantha

Chic'Ana

Anita

J.B.

Maria Araújo

e a Wonder Woman

 

Não nomeio mais, porque já nomeei uma mão cheia de bloggers, somente por isso (e já vou ser apedrejada e ter de fugir a sete pés que me baste, por ter feito as nomeações, que me baste por uma só vez!).

 

17 postas

largar posta

sobre a Peixe Frito

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

douradinhos frios

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D