Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ó da guarda, peixe frito!

Vai com arrozinho de tomate?

Só me calham destas na rifa.

12.10.18, Peixe Frito
- Ó tia Peixa... «ui que aí vêm coisa», pensei logo. - ...porque é que os aviões são tão pequeninos lá em cima (no céu) e cá embaixo são tão grandes?   Faz parte da praxe, os meus sobrinhos aquando pequenos, me fazerem este tipo de perguntas.  Qualquer dia pergunta-me a teoria da evolução ou a origem do universo.

Apanhados com as "calças na mão"!

17.04.12, Peixe Frito
   Efectivamente, qualquer sítio serve para um devaneio. Costuma dizer-se que "olha, foi à casa-de-banho e veio de lá com uma ideia nova", e eu não podia estar mais de acordo. Não propriamente porque vou para a poltrona tentar inspirar-me em caso de bloqueio - mental meus caros, mental, sim que a musa às vezes decide ir para a copofonia invés de um simples café e nunca mais aparece - mas porque com alguma frequência, mais do que a desejada, dou por mim a ter devaneios.   (...)

Para aquele lado, s.f.f....

26.11.08, Peixe Frito
    Eu sou daquelas pessoas, que sempre que fazem o check-in nos aeroportos, aquela porra apita sempre. Ponho a malita no tapete rolante, tiro o cinto, despenteio-me toda para tirar os ganchos, e mesmo assim... "Minha senhora, passe para aquele lado, para a senhora agente a revistar".     Das duas três:     - Ou as senhoras agentes, com todo o respeito, são lésbicas;     - Ou devo ter cara de terrorista, de certeza;     - Ou eu sou uma gaja muita boa (é (...)