Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ó da guarda, peixe frito!

Vai com arrozinho de tomate?

Ó da guarda, peixe frito!

Vai com arrozinho de tomate?

Há que ter cuidado com o que se diz...!!

frito e escorrido por Peixe Frito, 22.02.10

   Ora agora, com esta situação semi recente do C.U. (cartão único), as operações "STOP" começam a ser caricatas:

    - Desculpe, boa tarde.

    - Boa tarde sr. guarda.

    - O seu B.I. ou o seu C.U. se faz favor, bem como os documentos da viatura.

    - O meu quê??

    - Solicitei-lhe o seu B.I. ou o seu C.U. se faz favor, bem como os documentos da viatura.

    - O meu C.U.?? O sr. guarda quer o meu C.U.? Eu não lhe vou dar o meu C.U., era o que faltava!! Já não basta nos andarem sempre a ir aos bolsos, agora também querem...! Olha agora!!

     - (cof cof) Meu senhor, com todo o respeito... Estou-me a referir ao Cartão Único...

     - Ah bom... Ora, mas que pensava o senhor de que eu estava a falar??

 

    Eu estou é para ver se esta situação se der com algum homossexual mais saído da casca, e virado para a malícia...!

O meu C.U. (parte II)

frito e escorrido por Peixe Frito, 10.02.10

  Na minha saga da renovação do B.I., na parte II, onde já estava à espera de levantar o C.U., comecei a ler com mais atenção as sinaléticas expostas pela loja do cidadão, num acto de desespero a ver se a minha vez chegava mais rápido. Farta de olhar para os lados, decidi olhar para cima, onde precisamente se situava, a sinalética que me fez largar umas gargalhadas - caiu-me no goto que querem - tal era o nome da secção / balcão ou isso.

   Então, o que dizia a sinalética?...

    - Balcão "Perdi a Carteira";

    Oh pá, desculpem-me, mas andar a ler as sinaléticas "Caixa Geral de Depósitos", "Direcção Geral", "Informações", etc, sai-se ali um "Balcão Perdi a Carteira"...! - não arranjavam melhor nome?

    Não sei em que consiste o dito balcão, apesar do nome ser bastante explícito. Presumo que chegamos lá e dizemos:

    - Desculpe, boa tarde eu...

    - Já sei já sei - interrompe o funcionário -  perdeu a carteira, deixe-me adivinhar?

 

    Se de facto, uma pessoa lá chegar e basta dizer aquilo para presumirem que documentos tinhamos na carteira e que precisam de ser novamente emitidos, acho uma excelente ideia. Será que voltam a emitir o talão de desconto do continente e do Minipreço? Dava jeito... E aquele vale do champô, de desconto de €1??... Pois é pois é... É que uma pessoa perdendo a carteira, com a catrefada de cartões e de tralha que lá têm... de certeza que se vai esquecer de uns quantos...!!

   Bem vistas as coisas, esta situação do "Balcão Perdi a Carteira", podia ser explorada noutras vertentes igualmente úteis. Ora então, deixo aqui uma lista delas:

    - Balcão Perdi as Chaves do carro;

    - Balcão Perdi as moedas no bolso das calças;

    - Balcão Perdi o-carro-no-estacionamento-do-centro-comercial;

    - Balcão perdi o Comboio;

    ou a outra vertente:

    - Balcão perdi o Avião;

    Para finalizar, porque ficava aqui a tarde toda:

    - Balcão perdi-a-cabeça-quando-vi-aqueles-saldos-na-mango;

A idade já começa a pesar...! ^.^

frito e escorrido por Peixe Frito, 09.02.10

   Pois é, como qualquer cidadã que se preze, lá fui eu há umas semanas renovar o meu B.I., que tinha caducado recentemente (há um ano, para ser mais exacta), pelo novo catão único (C.U. para os amigos). Depois de esperar uma eternidade e três quintos, que até me deu algum jeito, que fui ao Pingo Doce ali perto (alto e pára o baile!! Fui ao Pingo Doce?? ) e comprei umas coisitas que precisava enquanto aguardava. Espeeertos estes maganos do Pingo Doce. Além de uns anúncios que devem ter sido usados na Idade Média pela Inquisição, na tortura das bruxas e hereges, sabem bem onde colocar os seus estabelecimentos. Bem, adiante, quando chega a minha vez de fazer o C.U. (fui fazer um "cú" para lá, mas faço muitas vezes um "cú" em casa ou em dias de "excesso" de trabalho no emprego, não sei para que me fui deslocar para cascos-de-rolha), perguntam-me se alterei dados, aos quais respondi que não, mas que pretendia que me medissem novamente porque a última altura* era de quando eu tinha os meus 12 anos de idade. Eis que, a senhora meteu-se comigo porque apenas tinha mais um centímetro. Eu barafustei a dizer que era impossível, que a minha medida no B.I. era dos meus 12 anos, e que 14 anos mais tarde não podia ter a mesma medida. Fizeram-me uma nova medição. Era uma senhora pequenissima que me diz assim: "Sabe, eu tenho 1,50 e tal" e eu a olhar para ela como se estivesse a olhar para um anão "Ah e tal berebéubéu pardais ao ninho só têm mesmo mais, espere, na nova medida acusa dois centímetros. Sabe que as senhoras são muito picuinhas com a altura". Eu virei-me para a senhora, a bufar: "A senhora acha que tenho corpo de quem têm 1,68 mt?! Mediram-me há dois anos e tinha 1,75 mts! Não me diga que já comecei a mirrar...!!". A senhora olhou-me de lado (de lado mas para a barriga ou isso, porque com a altura dela ao pé de mim...) e pronto... fiquei com 1,70 mts no C.U. (esta frase soou estranho mas pronto). Resumindo: Em dois anos perdi 5 cm...! Fosga-se!! Por este andar, quando tiver mais dez anos nem chego ao lavatório, para lavar a cara, sem uma cadeirinha de apoio!!!

   Obs.: Eu não tenho complexos com a minha altura, a sério que não, mas é caricato a diferença de cm em dois anos.

 

   *Eu tive de renovar o meu BI há uns anos atrás, por mudança de morada etc, e não me tiraram a altura, pelo que se manteve a altura do meu BI antigo, tirado então aos 12 anos;