Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ó da guarda, peixe frito!

Vai com arrozinho de tomate?

Cabecinha pensadoooooora!

16.07.19, Peixe Frito
Ora, eu adoro beber água. Passo a vida a beber golinhos de água e a minha verdadeira desgraça, é ter uma garrafa de água ao pé de mim durante o dia, pois é certinho como o sol que quase de uma virada - a Peixa é amiga cá da maltaaaa e vai beber este copo até ao fim (até ao fim!) - derreto com o raio da água toda em três tempos, pelo que, já que enfardo água como se não a visse a vida inteira e fosse novidade exótica para mim, meto lá dentro especiarias ou frutos, de modo (...)

Nem sei se hei-de rir se chorar. Mas que me arrepia certas coisas, ah arrepia...!

03.05.19, Peixe Frito
Dei por mim a lembrar que a mãe Peixa, têm (ou tinha) uma trança de cabelo meu, das primeiras vezes que cortei o cabelo, era eu uma pequena sereia. Ora pois, fiquei a pensar na situação. Não é assim meio bizarro, guardar o cabelo de alguém? Mesmo que seja dos nossos filhos? Eh pá, já guardamos os dentes de leite... o cabelo do primeiro corte de cabelo... o cordão umbilical! Só falta alguém se lembrar de guardar as unhas e primeiro cócó. É que nem sei bem que dizer acerca disto. Conclu (...)

Uma pessoa até já estranha.

30.10.18, Peixe Frito
Comi umas uvas e não é que elas tinham graínha? Minha alma está pasmada, já começava a achar que estavam em extinção, uvas normais sem merdices de não terem graínhas - qualquer dia, até são sem pele. Já não existem coisas como antigamente. Além das oreo e das sementes presas nos dentes, quem não aprecia uma sementezinha de uva, no meio da cremalheira? Saudades.

Os sons de fundo do consultório são tão inspiradores - tipo musa grega - que até me fazem pensar se a comunicação está a ser bem perceptível para não have...

18.09.18, Peixe Frito
Eu sou apologista, que todos os consultórios dos dentistas tivessem de fornecer ou um bloco de desenho com lápis ou cartões com dizeres pré definidos "SIM" "NÃO" "TALVEZ" "COISO" "DAQUI A NADA SOU EU QUE LHE TRATO DOS DENTES" (quase tipo esquemas de sim e não) e do género. Ora e porquê? Pois então, uma pessoa estar ali esparramada na cadeira do consultório, boca aberta quase a ver-se o estômago e o dentista nos fazer perguntas e uma pessoa não poder responder, se limitar a (...)

Que frustração!

11.06.18, Peixe Frito
  Quando se passa uma tarde com o raio de um fio de manga enfiado no meio dos dentes e não há nada que se valha para o tirar - nem sequer o truque de uma pessoa amiga, que me dizia que utilizava um cabelo como fio dental em caso de emergência. Resta esperar que os dentes caiam para o dito sair. É nestas alturas que compreendo o porquê de algumas criaturas, deixarem crescer a unha do mindinho. Ainda se tivesse uma baliza - sou um pouco propícia a ficar com sementes, pedaços de (...)

Pareço um animal ruminador.

26.01.18, Peixe Frito
 Confesso que tenho dias assim. Se não for estaladiço e fizer "crunchhh" nos dentes, não sabe ao mesmo e não me toca na alma. Claro que não falo de alimentos que por si só têm natureza suave mas sim de coisas como umas batatas fritas, amendoins, pipocas, cereais (só com leite bem gelado quase a congelar os macacos do sótão) e até o chocolate (que guardo religiosamente no frigorífico, mesmo no inverno). (*violinos*) Que eu possa sempre preservar esta tara, que toda a gente que (...)