Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ó da guarda, peixe frito!

Vai com arrozinho de tomate?

A minha black friday.

04.12.19, Peixe Frito
Sabem quando compram um telemóvel novo e ficam todos contentes com a cenice? Formatam ao vosso jeito, instalam as apps que tinham no antigo tijolo, as músicas, as fotos, os contactos e tudo e tudo e tudo. Arrumam a antiga criatura na caixa dele e armazenam no arquivo vertical dos telemóveis de vossa casa. E tudo corrre bem, até chegar a segunda feira a seguir ao fim-de-semana do black friday. De manhã, o receio de não ouvir o novo despertador, era latente. Até acordei antes da (...)

Como alguém se candidatar a levar uma bordoada logo pela matina bem fresquinha.

13.08.18, Peixe Frito
Manhã cedo. Tudo dorme. Santa paz reina na casa, tirando um ronco ou outro vindos de várias secções da casa. De repente, todo esse ambiente mágico se desfaz como um vampiro em pó ao apanhar sol nas pestanas: um despertador começa a tocar na área comum da casa. E toca. E toca. E toca. É entoado pelo silêncio da divisão. E toca... e toca. Começa a notar-se que quem dormia nessa área, estava bem acordado às custas desse alarme e com ganas de o ensinar a voar pela varanda, (...)

Eu mereço, certamente.

05.02.14, Peixe Frito
   Não há nada como a hora de deitar. Afofar nas mantas quentinhas com um frio de rachar, a ouvir o temporal de vento e chuva na rua.    Antes de dormir, o ritual habitual: verificar se o despertador / telefone está programado para a hora correcta, deixá-lo à mão na mesa-de-cabeceira e ir dormir.     Tranquilo. Silêncio. ahhhhh Gosto tanto. Eis que, passado um pedação de tempo, o raio do telefone toca. Primeiro pensamento neste pickle:    «O despertador já está a (...)