Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ó da guarda, peixe frito!

Vai com arrozinho de tomate?

Gostos não se discutem!

26.12.17, Peixe Frito
  Uma típica jantarada no aquário-mor.   Ementa: Pito assado.     Entre cotoveladas, ouvem-se as misturas de vozes:   - Eu quero peitooooooo! - grunhe um.   - E eu perna! - guincha outro.   - Hey! Eu também quero peitooooo!! - barafusta outro, a micar se a outra criatura vai comer o peito todo do frango.   Ouve-se a voz de trovão do pai Adamastor (aquela que é conhecida por me espantar as tartarugas todas, quando as bichas estão descansadas a apanhar sol e, após o (...)

Quando se têm uma mente a roçar o duvidosa, tudo soa mal.

08.03.13, Peixe Frito
  Diz uma criatura super irada, vermelha de exaltação e a roçar o raivoso, praticamente a espumar, as bolhinhas a escorrerem pelo queixo e os olhos a faiscarem:   - E o material pá?? Que não está curvo?? Esta malta anda a dormir, ou quê?! Se fizessem assim desta maneira, que acontecia, hein??   - (silêncio)   - O que acontecia era que o material me fazia um bico, era o que acontecia!

É o que dá ter uma mente perversa...!

24.02.12, Peixe Frito
   Como tantas mentes que por aí andam, que uma pessoa não pode dizer nada sem que essas alminhas pervertidas levem logo as nossas inocentes palavras, imaculadas e sem malícia na sua verdadeira essência - algumas das vezes devo confessar que não são assim tão imaculadas -  para outra interpretação e outras localizações geográficas corporais, nomeadamente para uma área assim mais para o "estremadura" - "ribatejo" - "interior" - "alto alentejo", a minha não é excepção (...)