Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ó da guarda, peixe frito!

Vai com arrozinho de tomate?

02.08.12

Alguém me acuda, que daqui a nada dá-me um fanico...!

frito e escorrido por Peixe Frito

  Não há nenhuma alminha que invente um regulador de som à distância, que dê para por telemóveis alheios com toque nada irritantes e nada capazes de fazerem com que uma pessoa se atire para o meio dos calorosos e fofinhos cocodilos sangrentos, no modo sem som e que, se não for pedir muito, dê para por pessoas também no mute mode, por tempo indeterminado?

  Dava cá um jeitaço...

  Começo a sentir o Hulk dentro de mim a dar sinais de vida, e não, não são cólicas, é mesmo o desespero de que os meus ouvidos foram feitos para ouvir efectivamente mas não com tanta carga auditiva constante sem pausas nem interrupção, e que um pouco de silêncio ia que nem ginjas.

23.05.12

É tão bom começar assim o dia... <3

frito e escorrido por Peixe Frito

   A espirrar desenfreadamente, quando estou a aplicar o rímel.

   Fiquei linda como o sol visto de frente. Artístico, indeed.

22.05.12

Tão graciosa e esbelta como só uma gazela de patins sabe ser.

frito e escorrido por Peixe Frito

  Ou um hipópotamo de saltos altos!

 É assim que me sinto, com o raio dos sapatos que decidi calçar hoje. E nem sequer é preciso caminhar em calçada portuguesa, num simples piso plano e bem lisinho, soa-me que o chão me foge das barbatanas e que caminho desgovernadamente em curvas tão insinuosas como as do Pisão.

  Tenho de ir alinhar os saltos.

18.05.12

As vantagens de se ser uma gaja semi-alta.

frito e escorrido por Peixe Frito
 

   Ir a andar toda lampeira e espetar a fronha numa teia de aranha, estratégicamente elaborada entre duas árvores, precisamente no meio do caminho de uma pessoa - se bem que um pouco acima onde as pessoas circulam, mas baixo o suficiente para me massajar a cara e se enrolar nos meus cabelos.

 

   P.S.: Aranha "palmada" da net.

14.05.12

O quanto os meus macaquinhos-do-sótão gostam de me martirizar e traumatizar.

frito e escorrido por Peixe Frito

  Sempre mas sempre que uso saia e venho da casa-de-banho, lembro-me sempre da colega que foi à casa-de-banho e que andou a passear-se pelo corredor da empresa - o principal, diga-se de passagem. Também é digno de nota referir que todos os gabinetes são em vidro nesse corredor, logo toda a gente vê quem passa - com a saia presa no cuecal.

27.04.12

Que croma...!

frito e escorrido por Peixe Frito

  Acabar de roer as minhas belas bolachinhas de leite condensado com noz picada por cima, e dar-me ao trabalho de comer as migalhas que ficaram no saquinho, com uma colher.

  «Se não nascesses, tinhas de ser inventada!», já me disseram algumas vezes. Vá-se lá saber porquê. Mas que as migalhas estavam fantásticas, lá isso estavam.

26.04.12

Pérolas (22)

frito e escorrido por Peixe Frito

  Duas gajas a falarem, conversas de gaja ao mais alto nível. Diz uma para a outra, a apontar para as suas maçãs-do-rosto:

  - Tenho de comprar um blush, para pôr nas sobrancelhas...!!

 

  Haveria de ser bonito, as sobrancelhas no lugar das maçãs-do-rosto...

13.03.12

Que pontaria...

frito e escorrido por Peixe Frito

   Usar meias com buraquinhos e no meio dos mesmos... conseguir encontrar um buracão.

   O que vale é que disfarça...

09.03.12

Gajos, pá!

frito e escorrido por Peixe Frito

  - Tenho uma coisa nos dentes. Já andei a escarafunchar com os palitos e nada!

  - Eu tenho fio dental, se quiseres.

  - Fio dental...? Hum...

  - ...

27.07.11

Coisas que detesto...!

frito e escorrido por Peixe Frito

  

   Gaja que é gaja, adora a bela da sandalinha fashion no verão, para arejar os presuntos. Seja alta, rasa, de cunha, de salto fino, branca, preta, vermelha, às pintas, às riscas, fluorescentes, rosa choque, com brilhos, com lantejoulas, com flores, aos bonecos, assim-assim, assado, frito, panado, com batatinhas a acompanhar, com menos molho se faz favor, mal passado pode ser...! E convenhamos, sabe tão bem andar de sandalinha. Andar ali com os torresmos a apanharem sol, e a mostrarmos o nosso verniz supé fashion que temos nas unhas dos pés. Desgraçados dos gajos, que têm andar sempre de sapatinho de ir à mata e meeinha, ou de ténis, sem poderem usar chinelito como as gajas - bem, também depende do gajo. Há gajos que não deviam mas usam na mesma... Se bem que, existem aqueles gajos, com gostos meio duvidosos, que usam sandálias com meeinha puxada até ao joelho... -  no caso (não tão raros) de alguns gajos, agradecemos que NÃO USEM sandálias por favor! Além do ambientador natural que emanam dos vossos preciosos pés de príncipe, que nos faz pensar que estamos numa queijaria com o queijo ainda a ser curado, e que por vezes nos fazem momentaneamente perder os sentidos e ficarmos meio atarantadas por segundos, sem saber o que se passou, algumas criaturas nem sequer cortam as unhas... Parece que têm garras invés de unhas, bastante propícias para cortar fiambre e outras peças de carne mais robustas.

   Nada mas nada fashion, sabem o que é? Por meio de pózinhos de perlim-pim-pim, de qualquer coisa que não faço ideia, é detestável transpirar dos pés. Não é propriamente, mais uma vez citado, pelo aroma a queijo-da-serra que poderá, eu repito, poderá emanar dos pézinhos delicados de uma gaja, mas sim porque quando vamos a andar... o pé escorrega e quase nos sai pela frente da xanata. Ora bem, isto não é de todo prático. Uma gaja quer andar mais rápido, e vai a fazer uma figura de gazela desgovernada, porque os pés estão constantemente a escorregar. E o barulhinho que faz? ui que suspeito... Há quem diga que o barulho foi das xanatas, mas cá para mim, é demasiadamente característico para vir da soca... Digo eu, que não sou de intrigas! Detesto igualmente, ir a andar, e as patas chiarem. Eh pá, mas que coisa. Vêm uma pessoa lá do fundo do poço, e já se ouve "nhéck nhéck, nhéck nhéck" "Olha, vêm aí a Peixa...", pensa logo alguém. E quando a alminha é distraída e ainda não percebeu que é ela a geradora do fantabuloso "nhéck nhéck", e pensa que alguém vêm atrás dela? Imagem típica eheh Eu já pensei em por óleo nas minhas e nas de outras pessoas, mas depois pensei: "xanata barulhenta torresmos de gaja óleo calor = porco queimado". Deixei-me logo dessas aventuras. Ainda alguém pensava que estávamos a fazer um churrasco...!

   Também era bonito, encher os pés de pó-de-talco, para que os mesmos não transpirassem tanto e desse modo, evitassem que o gajedo andasse a fazer patinagem artística. Mas, mais uma vez, concluí que não seria lá muito boa ideia: Olhar para os pés de alguém e parecerem os de um morto de tão brancos que estavam... nã... não é uma coisa muito bonita de se ver. Ainda por cima, a probabilidade de deixar rasto seria muito grande.

    Deixa lá o "nhéck nhéck", comprem uns tampões para os ouvidos (e eu para os meus) que é melhor. Gajas, comecem a usar joelheiras, cotoveleiras, protecção de dentes e afins, não vá o diabo tecê-las.

 

   Obs.: Sandálias retiradas da net.

26.07.11

Como a língua portuguesa é traiçoeira...

frito e escorrido por Peixe Frito

   Não é que existe uma actriz chamada "Chichi"...? Fosga-se, que azar. Ainda bem que não mora em Portugal. Ela que não se lembre de vir cá para as nossas bandas, que cada vez que alguém lhe perguntar o nome... ^.^

    Imaginem um moçoilo que se apaixona por ela:

    - Como te chamas?

    - Chamo-me Chichi...

    - Er... Que lindo nome... (silêncio... grilos...) Hein, o quê??? Olha desculpa, mas estão-me ali a chamar...

 

    E eu que pensava que "Carla Alho" era mau...!

06.07.11

Como os Gajos são complicados pá... e depois ainda dizem que são as gajas!

frito e escorrido por Peixe Frito

 

    Vão uns quantos gatos pingados ao restaurante "Fritadeira", e há um que diz:

   - Onde é que fica a "Fritadeira 2", em "Óleo-a-Aquecer"? - diz um dos gajos.

   - "Óleo-a-Aquecer" é ali adiante - responde aqui a belezura.

   - Ali adiante aonde? - pergunta novamente o gajo.

   - Ali pá... Continuas a estrada e é adiante - respondo eu novamente.

   - Olha agora... Qual estrada? - outra vez o gajo.

   - Aquela, a principal. Continuas em frente e é adiante - respondo eu novamente.

   - Mas adiante aonde? - says o gajo.

   - Oh pá, porra, Adiante. Andas um bocado e é para esses lados - respondo eu já meio a refilar.

   - "Ali adiante", olha que estás a ajudar como a porra - gajos que se há-de dizer...

   - Fosga-se, não me digas que não sabes onde fica mais adiante... Olha, fica ali além, pronto - digo eu a gesticular para o meio dos montes, e fim de conversa.

   Ora digam-me lá, se vocês não percebiam perfeitamente que a "Fritadeira 2", que se situa em "Óleo-a-Aquecer", era mais adiante na estrada principal? Que continuavam em frente e que era mais adiante... E ó despois são as gajas que não percebem as indicações...!!

28.10.10

Há pessoas mesmo tótós...! ^.^

frito e escorrido por Peixe Frito

 

 

  Raios partam mais o vício ou hábito ou pancada, chamem-lhe o que quiserem, que eu tenho, que sempre que apanho uma azeda a jeito, tenho de lhe mandar uma trinca...! Bem que os meus pais me diziam: "Peixa, um gatinho acabou de fazer xixi aí", na vã esperança que eu deixasse de por a barbatana nas azedas alheias, mas então... Mesmo sabendo que aquilo é beeem azedo (chama-se azeda por algum motivo, não sei, digo eu), não consigo resistir.

   Era só para partilhar convosco. E para ficarem a saber que ainda não é desta que se vêem livre de mim muhahahahahah (gargalhada maléfica)

14.05.10

Ai que cheiras tão béim...! (vómito!!) ^.^

frito e escorrido por Peixe Frito

É impressão minha, ou mal começa a ficar um tempo mais ameno, assim convidativo a irmos a uma esplanadazita roer uns caracóis e beber uns Iced-Teas (ahahah pronto umas jolas, possas, parem lá de me apedrejar, alcóolicos! :D), o gajedo recomeça a usar aqueles perfumes de essências naturais (dizem os vendedores) a morango, baunilha... e a côco? Os de morango fazem-me logo pensar que alguém se untou em xarope de morango... Os de baunilha, que alguém andou a dar nos ambientadores dos carros... O de côco... oh pá é um grande snif, traz-me sempre as memórias dos bronzeadores na praia... - ui... praia eu, eu praia... sol... verão... Bem!... Devaneio...!! - embora quando se dá a situação de líquido perfumado excessivo para a área total e área em torno de uma pessoa e arredores (é muita zona, notaram no "e" sublinhado? :D), em que uma alminha desprevenida, que gosta de passear na costa ao fim-de-semana e que se esqueceu do saquinho do enjoo, dos comprimidos de gengibre e da máscara de mergulho (alto e pára o baile! Mergulho?? Sim meus amigos, mergulho. Se estão na área da praia, que outro tipo de máscara faria sentido?? Dos fumos era??), que pode estar descansadita na ponta do paredão em Cascais  e já nos começa a chegar ao nosso delicado nariz o rasto a côco da outra ponta, em que começamos a ponderar que estamos a apanhar sol a mais na cuca pois o cheiro a maresia é isso mesmo, cheiro a mar e não a côco, proveniente dos snifs ambulantes já a chegarem no Tamariz (antes este do que outros, verdade seja dita) a conversa já é outra...! Ok, eu não posso falar muito que tenho um de côco - foi oferecido!!! ;) - mas é muito mas muito mas muito mau, entrarmos num sítio fechado e não ventilado - como o elevador do prédio, por exemplo - e estar lá um fedor a côco de tal maneira, que lá temos de praticar a nossa apneia. Como já adivinharam, depois desta converseta toda para encher choiro, foi precisamente isso que me aconteceu no outro dia. Ainda nem tinha tomado o pequeno almoço, e já tinha as entranhas revoltadas com o cheiro do elevador. Por momentos até pensei que a senhora das limpezas tinha mudado de detergente, e invés de cheirar a lavanda ou a rosas (rosas nãoooooo!!!! Esta piada fica para outras núpcias eheheh), tinha comprado um de cheiro a côco.     Eu gostava de saber, se aquela alminha que tomou banho em essência de côco, vai de carro ou de transportes públicos para o trabalho, porque das duas uma: no carro... ainda abre as janelas, agora num autocarro ou num comboio, onde a malta vai que nem sardinhecas enlatadas em molho de tomate picante ou não (consoante o gosto, claro), de certeza que ainda alguém abriu a porta / janela e a mandou borda fora. Pelo menos se fosse eu, vontade não faltava...!

 

Obs.: Não sei se conseguiram ler bem com tantas observações minhas no meio do texto. Acredito que tenham relido muitas vezes as frases, não propriamente por estar excessivamente bem redigido este post, nem por estarem ludibriados com o meu intelecto super-hiper-mega (não, não é Disney) fantabuloso e genial, mas porque eu puro e simplesmente tenho sempre alguma posta de pescada a largar - como se isso interessasse a alguém, mas pronto, vivemos ou não numa república das bananas? ooops... Numa democracia?? ai... querem ver...! - e depois dá uma confusão geral de ideias! Sim... porque como voces não estão a seguir o meu raciocínio, deve tornar-se assim... um puzzle não? eheheheh Tudo espremido e bem torcido... não sai nada. É que nem à lei da bala.

 

Obs. (2): Gozem à vontade, por eu escrever "côco" com chapéu-do-avô... É que faz-me confusão escrever sem ele, pois a palavra soa-me sempre a outra coisa. A leitura é outra eheheh

17.03.10

...!!

frito e escorrido por Peixe Frito

   Adorooooo ter uma comichão infernal nos olhos, depois de me ter acabado de maquilhar.

   Também, quem me manda a mim ser graciosa...! Os lápis são para pintar os olhos por fora, e o globo ocular não tem pestanas...!! eheheh ;)

01.03.10

Parecia um ninho-de-ratos...!

frito e escorrido por Peixe Frito

    Diz-me um amigo, no outro dia:

    - Peixa!!! Que fizeste tu ao teu cabelo?? Está diferente!! - exclama, com ar espantado.

    - Nada amigo... Na realidade, sabes o que foi? Tomei banho!!!

 

    Obs.: A explicação para o espanto, é que normalmente ando de cabelo preso e penteadinho quando os vejo e naquele dia estava solto, com os caracóis numa autêntica juba, assim tresloucados.

26.02.10

Qu'é isto?? - Que naco...!! ^.^

frito e escorrido por Peixe Frito

  

 

   Uma conversa entre colegas:

   - Ela? Ela é feia, mal feita, nada simpática, no outro dia apareceu com as botas cheias de lama quase até ao joelho... até têm bigode!

    Uau... é a mulher ideal de qualquer homem...! Mas de certeza que é uma mulher? É que pela discrição, a mim parece-me mais uma criatura vinda das profundezas dos pântanos ou da terra...!

24.02.10

Ocorrência de última hora...!!

frito e escorrido por Peixe Frito

   Acabei de ter um encontro imediato de terceiro grau: fui à casa-de-banho das senhoras, pronto, contribuir para o aumento do nível das águas, e eis que... dou de caras com um homem a sair da casa-de-banho ao lado da minha...!

    Das duas três:

    - Ou o homem não sabe distinguir o pictograma da casa-de-banho de senhoras do dos homens;

     - Ou é um homossexual reprimido, que inconscientemente vai à casa-de-banho das senhoras, com a maior das descontracções;

     - Ou então... anda a espiar as gajas quando estas vão à casa-de-banho!!!!

 

     Ao menos segurou na porta para eu passar...!

09.02.10

Cá pra mim, cá pra mim isto é conspiração...!

frito e escorrido por Peixe Frito

   Há uns anos atrás, quando fui actualizar o meu B.I. e mais umas coisas, a senhora que me estava a atender pergunta-me:

   - Ora, Menina Peixa, qual é a sua profissão?

   - Designer Gráfica. Mas se quiser pode colocar somente Criativa.

   - Designer Gráfica?... Criativa?!... Mas essas profissões existem mesmo? - retorquiu com um ar trocista.

   - ... ()

   E pelo andar da carruagem, a profissão da senhora deve ser é mesmo parva.

27.01.10

Isto costuma dar uns dias antes de morrer...! ^.^

frito e escorrido por Peixe Frito

   Tenho uma especial aptidão, para deturpar as coisas daquilo que são na realidade, para algo que nada têm a ver. Quando digo NADA, é nada mesmo. Ora, há certas palavras que me fazem lembrar coisas para comer. Sei lá, acho que a sonoridade da palavra sugere algo para trincar. Um exemplo disso é o nome da aldeia ou vila, pronto... povoação "Almoçageme". Sempre que oiço alguém falar em "Almoçageme", dá-me vontade de gritar:

   - Manda aí um pires de "almoçagemes" para mim também, com uma bejeca fresquinha a acompanhar, ó fáxavor...!! - Sim... no meu pensamento "Almoçageme" liga bem com uma jola.

   Qualquer dia, quando estiverem num bar, não vão receber as típicas batatas-fritas, os tremoços, as pipocas reutilizadas ou os "minuíns" cheio de cuspe alheio, mas sim uma tacinha de "almoçagemes", e aí vão-se lembrar aqui da Peixa, como ela têm uma visão vanguardista...!

 

   Obs.: Nada contra Almoçageme hein! É uma povoação bem simpática, só para que saibam eheh

sobre a Peixe Frito

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

douradinhos frios

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D