Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ó da guarda, peixe frito!

Vai com arrozinho de tomate?

O meu conto de Natal.

24.12.19, Peixe Frito
Ainda venho a tempo!! Este ano aceitei o desafio lançado pela imsilva, para escrever um conto de natal. E aqui está ele! Espero que gostem!!   Ela era uma rapariga normal. Pelo menos, aparentemente. Todos os anos ansiava pela época natalícia, que lhe trazia o calor e o conforto das suas memórias de criança: desde o cheiro da mãe a passar a roupa, ao odor de pinheiro nos antigos enfeites de natal, que (...)

Se fosse alguma normal, aí é que me admirava.

24.12.19, Peixe Frito
Só porque é natal e completamente alheia ao facto de me terem oferecido uma mega caixa de bombons com o meu nome - foi um toque fofinho... comprarem precisamente daqueles que têm nome de gaja na caixa. Em bombons usam o meu nome, mas agora para apelidar tempestades e merdices dessas... está de gesso. Ah e tal, em bombons é mais fofo. Meh - hoje apeteceu-me ir cuscar qual era a música que estava em voga, no ano em que eu nasci. Completamente à parte de ter nascido a uma terça-feira (...)

Ia sendo, mas não fondo. Safei-me resvés Campo de Ourique.

13.12.19, Peixe Frito
Alheada ao facto de ser sexta-feira 13, dado serem sete e tal da manhã e o tico e o teco ainda estavam extra dormentes, hoje pensava ser sábado. A sério! Acordei e pensei: - Nossa que bom, hoje é sábado e posso dormir até mais tarde!! Só que não. Daí a momentos, toca o despertador. Até podia pensar que o teria programado mal mas eu sei bem no meu íntimo, que ele está programado só para tocar aos dias da semana, por isso se ele estava a tocar... era dia de mexer a peida dos (...)

É sempre uma festa e uma risota, nada paga as reacções de uma criança a abrir as prendas no Natal.

03.01.19, Peixe Frito
A abrir as prendas na consoada natalícia, mega em pulgas, rasgando o papel de embrulho freneticamente e vendo o que recebeu, exclama a criatura pequena: - Ohhh era mesmo isto que eu queria!! - e agarra o brinquedo, feliz da vida. Segunda prenda. Novo pulguedo, excitação a ver que é que o Pai Natal lhe trouxe. Rasga o papel, com ajuda dos pais e... eis que mandando um grito de surpresa, se ouve: - Heyyy, eu não pedi isto ao Pai Natal! Na carta que eu mandei ao Pai Natal, não pedi isto!! (...)

Feliz Natal, Feliz Natal! la-la-la-la-la-la-la-la-laaaaaaaaaaaaaaa

21.12.18, Peixe Frito
Como já sei como são as coisas e os programas de festas, maioria do pessoal vai estar off aqui da blogosfera e eu, já um passo à frente da situação e porque não quero deixar de vos desejar um Feliz Natal, a todos os meus amigos bloggers, leitores, cuscos que por aqui passam e não cheiram nem fedem, à própria equipa do sapo blogs que também merecem ser (...)

Nós às vezes é que os tomamos por parvos e inocentes, mas pela minha experiência, isso somos nós.

12.11.18, Peixe Frito
Com apenas três anos - e semi frescos - no dia da consoada, observa a cú rabinho pequeno á família: - Mas porque é que há prendas aqui nos avós... e nos outros avós... e em casa? - para ela, o Pai Natal é que entregava as prendas e, supostamente todas no mesmo sítio. Nada mais lógico, ou não é verdade? - Ah, porque o Pai Natal vai deixando as prendinhas, nas casas, para ajudar a entregar a tempo. Já viste, tantos meninos, o Pai Natal fica aflito se entregar tudo de uma vez, (...)

E está aberta a época de me torrarem os miolos.

02.11.18, Peixe Frito
Já se começa a ver um cheirinho de publicidades alusivas ao Natal, na televisão. Lá vou eu começar a stressar por tudo ser Natal para onde quer que me vire, é gente mais gente mais gente mais magotes de gente mais paletes de gente mais contentores marítimos de gente, e vermelho, verde, dourado, brilhos, duendes, rudolfos, Pais Natais a abanarem as ancas a dançarem o hulla, o aliciar ao consumismo disparar, é relógios - que não uso - é perfumes - que não uso - é carros - que (...)

É sinal que estamos a virar umas "carcaças"...!

26.12.17, Peixe Frito
Facto interessante, que tenho vindo a observar no Natal, com o passar dos anos. Ficar contente por receber um pijama ou uns collants, invés de uma outra coisa qualquer, como uma vela ou uma moldura (de tarecos já está o meu recife cheio), que antigamente achava o máximo. Convenhamos, estou a ficar uma "pele", uma peixa com as escamas a ficarem brancas e enrugadas (*violinos a tocarem*) de tal modo que em breve nem precisam de me escamar, tal é a falta de escamas nas barbatanas... (...)

É oficial!

18.01.13, Peixe Frito
   O Natal já passou há quase um mês e aqui a fritadeira, de tão festiva que é, ainda mantêm o cabeçalho do Natal. Sim senhora... Para os distraídos, é já para o Natal deste ano, sim? Para os atentos... É apenas uma miragem natalícia, acreditem.    Faz-me recordar a árvore de natal - não, essa já foi "corrida" lá do aquário. Mas porquê, a sério, porquê, que apenas se monta a árvore de natal a partir de meados de Novembro? - Se bem que lá pelas minhas bandas, é (...)

Curtas...!

12.11.12, Peixe Frito
  - Ah sim, no ano passado o motivo não era o Pai Natal, mas sim um Homem das Neves, não era?   - Homem das Neves...?   - Sim...   - Homem das Neves?! Boneco de Neve... não?   - ... Pois, é isso (cof cof).     Havia de ser lindo um dos motivos natalícios ser o Abominável Homem das Neves...! Isso é que devia de ser vender artigos natalícios!

Feliz Natal!!!

23.12.09, Peixe Frito
   Desejo a todos os meus amigos do blog, a todos os leitores assíduos, aos que só lêem (mandam risadas e não comentam), aos que têm sempre de expelir uma posta de pescada, aos que cá aparecem por engano, aos que lêem porque fizeram uma pesquisa interessantíssima e vieram cá dar, a todos vocês desejo-vos... Feliz Natal...!        Tudo de bom para vocês e para os vossos!!

No Natal, eu é que não vou receber prendas...!

22.12.09, Peixe Frito
   Este fim-de-semana, estive a embrulhar prendas para crianças. Até não me chateia muito, acho deveras divertido! Sabem porquê? Porque embrulhei cada presente, com duas camadas! É que o principal, era daqueles fracotes, que se viam as ilustrações e dizeres através dos papéis, pelo que tive de dar uma segunda embrulhadela, para disfarçar a coisa. Sim, porque eu não quero facilitar a vida aos pequenos...! Podem abanar, achocalhar, lamber, apalpar, cheirar, o que quiserem, mas (...)

Só não percebe quem não quer...!

09.12.09, Peixe Frito
   Estava eu a ler uma revista cor-de-rosa - na realidade, num raríssimo momento que normalmente não há pachorra para essas revistas... até na casa-de-banho prefiro o jornal ou a national geographic (mas que bem, olha ela a armar-se) - e aparece o Piolhinho. Com alguma coisa na mão. E de repente diz-me:     - Ó tia... Não queres antes ver isto?     - Hum... - grunho eu, a meio da entrevista da não-sei-quantas, que ficou chocada porque a não-sei-quê usou o mesmo vestido (...)

O meu Grinch Recalcado...!

03.12.09, Peixe Frito
   Diz que vou começar a escrever para a Fábrica de Letras. Olha diz que sim. Ouvi dizer, sei lá, já sabem como são as más línguas. Eis que me chegou aos meus ouvidinhos de sereia, que o tema deste mês é exactamente... Adivinhem!! O Natal... Pois é. Altamente original! A sério, a mim nunca mas nunca me passaria pela cabeça, escolher o tema Natal, em Dezembro... Fantástico. Mas agora a sério, falando (...)