Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ó da guarda, peixe frito!

Vai com arrozinho de tomate?

O quanto não vale ser gaja.

06.06.12, Peixe Frito
   Uma gaja anda a telefonar, a pedir pastilhas aos colegas. Telefonou para um colega homem, que era quem lhe parecia que era capaz de ter umas para fornecer. Não... Não tinha pastilhas. O mesmo colega perguntou ao resto dos colegas do gabinete, também homens, que lhe responderam que não tinham. Pronto... a gaja não vai pastilhar. Minutos mais tarde, a gaja recebe um telefonema de volta, do colega, a dizer que já tinha pastilhas para ela. Lá foi ela lampeira buscar uma pastilhita.  (...)

Ah como eu detesto!!

30.06.09, Peixe Frito
   Se há coisa que detesto que me aconteça, é estar toda lampeira a mastigar uma bela de uma pastilha, e por um mero erro de cálculo, ou apenas porque a língua se lembrou de estar no sítio errado à hora errada, mandar uma grande, mas grande, mas mesmo grande, dentadona na língua.  Mas às vezes, só para ser diferente, mando as dentadonas nas bochechas. Ainda não percebi como, mas que acontece, acontece. E com alguma frequência.    As pastilhas deviam de ter conselhos de (...)

Dúvidas Existênciais (17)

26.05.09, Peixe Frito
     Porque será que, existem vários produtos (gloss para lábios, elixir, pastas-de-dentes, e afins) com um cheiro que nós snifamos e dizemos: "Eh lá, cheira mesmo a pastilha!", e quando nós comemos uma pastilha, rara é aquela que realmente sabe a pastilha, pastilha??

Coisas de Gaja (16)

21.01.09, Peixe Frito
    Se perguntarem se uma gaja têm pastilhas, 99% das vezes nunca têm pastilhas de sabores tradicionais. São sempre pastilhas de sabor a pastilha (sim, nunca provaram as pastilhas Kids da Trident? Aquilo sabe mesmo a pastilha lolol - que estranho), ou frutos do bosque, ou gelado, ou canela, ou baunilha com menta, ou pêssego e qualquer coisa...