Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ó da guarda, peixe frito!

Vai com arrozinho de tomate?

Se o torcesse, escorria óleo.

15.01.19, Peixe Frito
Há experiências que eu volto a repetir, mesmo por esquecimento meu. Há uns tempos comprei um tipo de óleo para aplicar no cabelo, a fim de o amaciar e que não o torne peganhento e oleoso. Hoje... tive um deslize. E tudo porque segui um conselho de moda da cú rabinho pequeno: Ao meu colo: - Tia Peixa... tu ficavas linda se pusesses o cabelo assim - diz ela, a puxar-me o cabelo para cima, destapando a testa toda. - Pensei que era sempre linda, afinal. Silêncio. - Tia Peixa, ficavas ai (...)

Coisas destas não tinha eu direito.

07.09.18, Peixe Frito
Se a minha mãe me fizesse penteados destes quando eu era miúda, de certeza que eu ia adorar! Agora nãooo, eram trancinhas aqui, trancinhas acolá, trancinhas à francesa, à indiana, à não-sei-quê, tótós nos dois lados da cabeça, tótó só de um lado da cabeça a arrepanhar-me a pelaria toda e fazendo-me lifting's em tão tenra idade, ganchinhos aos lacinhos e mais o caraças, fitinhas na cabeça tipo Rambo...! Tristeza. Criança sofre. Já explica a maioria dos meus traumas e o (...)

Sem dúvida que há coisas na vida, as quais, não têm resposta.

27.07.18, Peixe Frito
Acho bem que as pessoas comprem e tenham carros descapotáveis. Ainda não consegui foi perceber o como conseguem andar de descapotável, quando está uma ventaça do fundo do poço dos infernos demoníacos. Se já os macacos do sótão ficam arejados com a deslocação do vento - agarrando-se com unhas e dentes a tudo o que conseguem, tal a aflição de não serem expelidos - normal com o movimento do automóvel, quanto mais com ventos fortes, etiquetados com "Perigo, conduza com (...)

Criança sofre.

22.05.18, Peixe Frito
Este pai está-se a perder, com uma carreira de cabeleireiro com todo o sucesso possível e imaginário, sem partilhar o seu dom criativo com o resto das cabeças alheias de todo o mundo. Haveria de sair cada penteado, de bradar aos céus. Tanto talento desperdiçado. Até dá dó - além de que iria estar a ajudar o ambiente e a diminuir a pegada ecológica, ao pentear e reutilizar materiais. Só, mas só vantagens. Só a cara de orgulho da menina. Transborda ansiedade para andar na (...)